educacao

quarta-feira, 05 de janeiro de 2011 23:28

Prefeito de Nordestina disse que antecipou o rateio dos professores

Prefeito disse que está tranquilo em relação as criticas e a maioria dos professores estão satisfeitos com sua gestão.

Para o prefeito Wilson Araújo (PSB), “Ito”, os professores da rede municipal de ensino tiveram muito que comemorar no ano de 2010, pois tiveram um aumento 28,55%, em relação a 2008, último ano de gestão do ex-prefeito Geraldo Guimarães. Este foi um dos pontos relatados por Ito durante encontro com os repórteres do CN para esclarecer as denúncias enviadas por e-mails para redação. “Nós realmente não pagamos o rateio em dezembro e sim, antecipamos, pagamos em setembro. Quem tem 40h, recebeu R$ 960,00 e quem tem 20h, R$ 480,00. Nós antecipamos o rateio”, afirmou Araújo.

De acordo com o prefeito, além de fechar o ano com os vencimentos em dia, pagamento do 13º salário dentro do prazo estabelecido por lei, ainda foram contemplados com o 14º salário, ou seja, fruto das sobras de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) destinados ao município no decorrer do ano que passou.

O rateio dos recursos do Fundeb foi anunciado pelo prefeito Wilson Araújo no dia 09 de maio de 2010, durante as festas de emancipação política que reuniu os moradores da cidade para a confraternização e o corte do bolo, um ato simbólico e tradicional, para comemorar o aniversário da cidade, não no São João como divulgaram. Para ele, o gesto é pioneiro, pois até então nenhum outro gestor havia promovido a divisão entre os professores das sobras dos recursos do Fundeb com antecipação.

O fundo é um recurso que o município recebe do Governo Federal para pagamentos dos professores e profissionais do magistério, além de outras ações como reformas, contratação de demais profissionais para a educação, compra de materiais, entre outros fins. Sendo que 60% desses recursos obrigatoriamente devem ser utilizados para pagamento dos professores. “Nós fechamos o ano de 2010 com índice de aplicação de 62%, ou seja, R$ 142 mil a mais que o obrigatório”, afirmou o prefeito. Ele disse ainda que o salário base do magistério no município é de R$ 1.170,00 e tem casos que professores, com 40h, chegam a receber um salário bruto superior a R$ 2.078,00.

O prefeito apresentou um quadro comparativo, tomando como base o ano de 2008, quando o município recebeu R$ 4.578.562,23 de repasse do Fundeb e o salário base era R$ 836. No ano seguinte, em 2009, o repasse foi de R$ 4.476.878,01, ocorrendo uma queda de R$ 101.684,22, portanto, segundo Wilson Araújo, em um ano de crise e o salário base foi de R$ 1.064,00, ou seja, um aumento percentual de 28,55%. “Dessa maneira os professores e profissionais do magistério receberam o salário do mês sempre no dia 30 e nunca atrasamos um dia se quer. Isto é um fato”, falou Ito, mostrando documentos que comprovam estas afirmações.

Além desta questão salarial, ponto principal questionado no e-mail enviado ao CN, ele relatou que não há aluno da zona rural que não seja beneficiado com transporte escolar e que a Prefeitura dispõe de 12 ônibus de sua frota própria e todos em boas condições de tráfego. “Recentemente recebemos dois ônibus 0 km e já assinamos um convênio para receber mais dois. Queremos que o aluno tenha conforto e cheque bem à escola para que esteja desancado para um melhor aproveitamento nas aulas”, externou. Lembrou também que todos os prédios escolares estão em perfeito estado de conservação e no momento estão sendo construídas mais duas escolas, uma creche, cujo orçamento é de R$ 1.300.000,00 e duas obras, orçadas no valor R$ 750 mil, estão sendo tocadas, onde funcionaram o ensino fundamental e estas escolas serão totalmente informatizadas.

Garantiu que tem adquirido a merenda dos agricultores familiares e são preparadas sob a orientação de nutricionistas.

Na oportunidade, Ito comentou que mesmo em um ano de crise econômica, como foi 2009, conseguiu assegurar o salário dos professores rigorosamente em dia e ainda garantiu uma série de benefícios para a categoria. “A educação é à base de tudo, por isso devemos garantir uma educação de qualidade para os nossos filhos”, concluiu.

Por: Valdemí de Assis / fotos: Raimundo Mascarenhas

03/01/11 – Nordestina: professores revoltados com não cumprimento de acordo por parte do prefeito



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.