Retirolândia: Polícia não tem pista de quem matou o aposentado

Segundo um conhecido do idoso, ja aconteceram dezenas de furtos na casa dele. Um agente da Polícia também confirmou que o mesmo já esteve prestando queixas na delegacia.

O aposentado recebeu o tiro antes de abrir a porta, na noite de quarta-feira

A Polícia Civil de Retirolândia, que investiga a morte do aposentado Dionísio Santana Rocha, de 82 anos, ainda não tem pistas que possam levar ao esclarecimento do autor ou autores e os motivos do seu assassinato. O corpo do aposentado foi encontrado na manhã de quinta-feira (10), em frente à casa onde residia na Fazenda Algodões, á 02 km da sede, com uma perfuração no abdômen, provavelmente de espingarda.

Dionísio Santana era separado e morava sozinho. Ela já havia sido vítima de vários roubos, principalmente na fiação da rede elétrica, pois sua casa fica afastada uns 200 metros da estrada vicinal que liga as Comunidades de Gameleira/Baixa do Couro. Segundo um vizinho que pediu para não ser identificado, na semana passada, o velho Dionísio, como era conhecido, mais uma vez  foi vitima desta ação criminosa. “Ele me contou que acordou no meio da noite e viu tudo escuro. Quando abriu a porta percebeu que tinha energia nas casas vizinhas. Quando amanheceu o dia se deu conta que tinham levado os fios e a caixa do disjuntor”, contou.

Ao CN, o vizinho arriscou a hipóteses de o aposentado ter sido morto porque conheceu o ladrão. “No sábado ele fez um empréstimo consignado e estava previsto para receber na quarta-feira, no dia que foi morto. Certamente os ladrões souberam e ficaram esperando. Ele reconheceu e com medo de denunciar a polícia, eles o mataram”, arriscou.

Além de ser vítima deste tipo de roubo, todos contam na região onde o aposentado morava que já tinham roubado três botijões e até as feiras que ele fazia. No dia do crime, o aposentado assistiu a um jogo de futebol até ás 22h na casa de um amigo na cidade e depois seguiu a pé, na companhia de um filho, que o deixou no meio do caminho,  e no dia seguinte, foi encontrado morto por uma mulher que fazia caminhada.

De acordo com a polícia, Dionísio foi morto antes de abrir a casa, pois estava com a chave nas mãos e tudo indicava que ele vinha sofrendo estes ataques criminosos, pois a porta da frente da casa era protegida por uma grade de ferro.

Por: Valdemí de Assis / foto: Raimundo Mascarenhas

comentários Esconder »
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.
  1. Amigo de Queimadas: 
    Conceicão do coité - 15 de fevereiro de 2011
    É verdade o filho ia ficar alejado se levasse o pai até na porta de casa. Deixar o pai a mercê dos marginais, até chegar no ponto de lhe tirar a vida. Isso é uma vergonha como diz Boris, jornalista da Band.
  2. Liliane: 
    Retirolandia - 14 de fevereiro de 2011
    Isso foi um absurdo,pois ele era uma pessoa super legal,não ninha nenhum inimigo.E essa pessoa q fez isso fez mais sabendo que paga aqui mesmo... Saudades seu Dionisio!!!
  3. Duda - SP: 
    Taboão da Serra - SP - 14 de fevereiro de 2011
    Que mundo estamos vivendo, onde uma pessoa com esta idade morre praticamente sem defesa alguma, pois, o covarde que fez isso irá pagar, mesmo que não seja pelas leis dos homens mais sim pela lei do senhor. A covardia maior são dos filhos, pois, sabendo da situação que o pai estava vivendo não tomaram providências nenhuma, agora só resta lamentar, pois, so dão valor quando perde. Que Jesus ponha a alma dele em um bom lugar, e muita luz.
  4. josevaldo: 
    salvador - 13 de fevereiro de 2011
    Que Deus mim Perdoe mais manda a policia investigar a familia vai ver que na separação ele nao dividiu certo ai ele morrendo fica pro mais novo
  5. Máguila Ramos: 
    Conceição do Coité-Ba. - 13 de fevereiro de 2011
    Ladrôes CÓVARDES, COMO FAZEM ISSO COM UMA PESSOA IDOSO, SEM DEFESA, com MAIS DE 80 ANOS. A polícia tem que envestigar o maxímo, para desvendar os AUTORES desse CRIME BÁRBARO, que fizeram com esse senhor de idade. Com certeza a POLÍCIA vai fazer o TRABALHO CERTO E PASSAR AS MÃOS NESSES CRIMINOSOS COVAAAAAAAAAARRRRRRRDDDDEEEEEESSSSSSSSSSSSSSSSSS......
  6. Beatriz: 
    C. do Coité - 12 de fevereiro de 2011
    Os filhos sempre falavam pra ele ir morar na cidade, porque o lugar onde ele morava era deserto e estava ficando perigoso, pois ele vinha sendo perseguido. Ele era muito teimoso, gostava muito da terra dele. Só digo uma coisa: essa "pessoa" ainda vai pagar por isso! A morte cruel de meu avô não vai ser mais um caso sem justiça!
  7. mayara: 
    Queimadas - 12 de fevereiro de 2011
    que absurdo1 que falta de humanidade ! que covardia 1 um dia vcs pagar por esse crime tão cruel ! a vagabundagem tá solta ninguem que trabalhar e o caminho mas fácil é matar por dinheiro ! em que mundo nos estamos? ELE ERA SEPARADO E OS FILHOS PORQUE NÃO TOMOU CONTA DELE DEIXAR O COITADO SOZINHO NESSE DESERTO FOI PRA ISSO QUE ELE TRABALHOU PRA CRIAR OS FILHOS PRA SER ABADONADO E MORTO POR LADÕES
  8. Pedro: 
    Valente - 12 de fevereiro de 2011
    Crimes desse tipo na nossa região é fácil de se desvendar, pois com certeza se trata de pessoas que conhecia a rotina deste senhor.
veja também Ver todos »
O comando da PM afirmou que a guarnição tentou garantir um socorro imediato para tentar salvar a vida do jovem.
Érico Matos de Santana, se enforcou dentro de sua residência
Em contado com o programa Ronda Policial da rádio Subaé, a família contestou a versão do boletim policial.