geral

domingo, 13 de março de 2011 13:05

Programa federal debate inclusão digital no Nordeste

O encontro é promovido pelo Polo de Formação Regional Nordeste − vinculado à Rede Nacional de Formação para Inclusão Digital e coordenado pela Pró-Reitoria de Extensão (Proex) da UNEB em parceria com a Universidade Federal do Pará (Ufpa).

Salvador vai sediar a III Reunião do Comitê Gestor da Rede Nacional de Formação para Inclusão Digital. O evento, pela primeira vez no Nordeste, acontece entre os dias 14 e 18 de março, no Hotel Sol Plaza, no bairro Jardim Armação.

O encontro é promovido pelo Polo de Formação Regional Nordeste − vinculado à Rede Nacional de Formação para Inclusão Digital e coordenado pela Pró-Reitoria de Extensão (Proex) da UNEB em parceria com a Universidade Federal do Pará (Ufpa).A ideia, com a reunião, é trocar experiências adquiridas na realização do Programa Nacional de Apoio à Inclusão Digital nas Comunidades (Telecentros.BR), do governo federal.

A programação reserva a participação da assessora do Ministério das Comunicações, Lygia Pupatto − que deve assumir a Secretaria de Inclusão Digital do Minicom −, da assessora da Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Kiki Mori, responsável pela coordenação do programa Telecentros.BR, do reitor da UNEB, Lourisvaldo Valentim, e da pró-reitora Adriana Marmori (Proex).

Lygia Pupatto, em sua passagem pelo estado, vai visitar um telecentro baiano e o Centro de Recondicionamento de Computadores (CRC), mantido pela Secretaria estadual de Ciência e Tecnologia e Inovação (Secti) em Lauro de Freitas.

Os telecentros são espaços públicos de acesso gratuito às tecnologias de informação e comunicação (TICs). Nesses ambientes, computadores estão conectados à internet, possibilitando navegação livre e assistida, cursos e outras atividades. No estado, o Programa de Inclusão Sociodigital (Pisd), da Secti, mantém mil telecentros em vários municípios baianos.

Mais informações no site www.uneb.br.



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.