ichu

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012 15:42

Definidas as chapas que concorrerão a eleição indireta para prefeito e vice

O próximo prefeito governará o município até 31 de dezembro de 2012.

Na disputa para vice na eleição passada Renatinho levou a melhor. Professora Lúcia derrotada duas vezes vai para o embate confiante na vitória

Aconteceu segunda-feira, 20, na Associação dos Moradores de Ichu – AMI – as convenções dos partidos PSB e PSC para a escolha dos candidatos a prefeito e vice-prefeito que concorrerão na eleição indireta a ser realizada na próxima segunda-feira, dia 27 de fevereiro, às 9h30 na Câmara Municipal de Vereadores, conforme edital publicado no dia 16, cumprindo a determinação do TRE-BA.

Os convencionais dos dois partidos votaram secretamente em duas chapas, sendo uma aprovando a coligação entre PSB/PSC e na outra definindo a chapa majoritária.

Após os escrutinadores realizarem a apuração dos votos foram confirmadas a coligação e a aprovação dos nomes de professora Lúcia como candidata a prefeita e José Neres (Tozinho) como vice.

Tozinho já foi vereador, representando a região de Casa Nova e chegou inclusive a presidir a Câmara Municipal. Nas eleições de 2008 ele concorreu a uma vaga no legislativo, mas não conseguiu se eleger.

Zé Dias, a esquerda exerce a função de vereador e Tozinho também teve passagem pela câmara

Presidente do PSB, Professora Lúcia foi candidata à vice-prefeita em duas oportunidades. A primeira vez foi em 2004 na chapa com Amilton Carneiro e na segunda em 2008 integrando a chapa de Evânio Cordeiro.

Após o prazo estabelecido para inscrição, os interessados terão até o dia 23/02/2012, às 17 horas,  para apresentação de impugnação às candidaturas ou apresentação de recursos contra o indeferimento da candidatura.

Renatinho vai para o embate ao lado de Zé Dias

O Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB de Ichu que tem como presidente Renato Adelino Almeida, registrou primeiro sua candidatura, 17/02.

A chapa composta pelo o ex-vice prefeito de Carlos Santiago, Renato Adelino candidato a prefeito e o vereador José Dias como vice, foi definida em uma reunião realizada entre os vereadores que integram a bancada da situação.

Questionado sobre a punição que recebera do TRE após ter o mandato de vice-prefeito cassado e que o tornou inelegível por três anos, Adelino informou que a referida pena foi extinta pelo tempo que o processo tramita na justiça, ou seja, segundo ele não conta da data do resultado do julgamento e sim do momento em que iniciou a ação ou até mesmo do ano da eleição que foi em 2008.

Renatinho governou o município praticamente durante todo o ano de 2009, periodo que o prefeito Carlos Santiago precisou se licenciar para cumprir um período na Caixa Econômica, de onde era funcionário.

Da redação CN * com informações de André Luiz



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.