ichu

sábado, 25 de fevereiro de 2012 13:10

Presidente da Câmara de Ichu muda o horário da Eleição Indireta

O presidente do PDT de Ichu Evânio Cordeiro contestou bastante a atitude do chefe do legislativo, qualificando como arbitrária a referida decisão.

 

Afonso alega que é dia de feira livre cujo grande fluxo de populares e consumo de bebidas alcoólicas aumenta os riscos de incidentes no mencionado pleito.

O presidente da Câmara de Vereadores de Ichu, Manoel Afonso Carneiro, protocolou no TRE em Riachão do Jacuípe,  sexta-feira, 24/02,  através do ofício 010/2012, a Portaria 005/2012, que modifica o horário de realização das eleições indiretas do dia 27/02, das 9h30  para às 18h, alegando que na data supracitada acontece a feira livre municipal, cujo grande fluxo de populares e consumo de bebidas alcoólicas aumenta os riscos de incidentes no mencionado pleito.

A decisão tomada pelo presidente Manoel Afonso, acabou irritando os integrantes da oposição que alegam terem sido pegos de surpresa e que a referida Portaria não estaria publicada no mural da câmara até o meio dia desta sexta-feira, e que os vereadores não tiveram conhecimento dela.

O presidente do PDT de Ichu Evânio Cordeiro contestou bastante a atitude do chefe do legislativo, qualificando como arbitrária a referida decisão.

Manoel Afonso retrucou dizendo que está sabiamente orientado pela assessoria jurídica da câmara e que antes de tomar esta decisão entrou em contato com o Juiz Eleitoral de Riachão do Jacuípe Dr. Arnaldo Freire Franco, que segundo ele o orientou a enviar uma cópia da portaria que foi protocolada sob o nº 9248/2012 às 12:56.

O vereador Carlinhos Moto disse que Afonso deveria ter convidado todos os vereadores e combinar a referida mudança, evitando assim qualquer tipo de dúvida.

Candidatos apresentam pedido de impugnação

Cumprindo o prazo estabelecido no edital de convocação para as eleições indiretas que serão realizadas em Ichu segunda-feira, 27, às 18h, os candidatos Renato Adelino e Professora Lúcia apresentaram os pedidos de impugnação de registro de chapas.

Professora Lúcia alega que Renato Adelino está inelegível até 2020 em virtude de ter sido cassado pelo TRE juntamente com Carlos Santiago no dia 18 de janeiro de 2012.

Renato Adelino entrou com o pedido de impugnação do registro de Professora Lúcia entendo que os partidos PSB e PSC realizaram as convenções sem o número de participantes exigidos pela Lei Eleitoral e pelos Estatutos dos respectivos Partidos Políticos.

Na tarde desta sexta-feira, 24, os dois candidatos protocolaram na sede do legislativo às contrarazões apresentando suas defesas para serem analisadas pelo advogado Sabino Neto que é o Assessor Jurídico da Câmara.

Conforme o edital o resultado da análise será divulgado neste sábado, 25, deferindo ou indeferindo as candidaturas apresentadas pelos partidos.

Caso algum candidato tenha a candidatura indeferida deverá apresentar imediatamente um substituto obedecendo aos critérios estabelecidos pela Lei.

Fonte: AL Noticias



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.