Riachão do Jacuípe – Seis pessoas feridas a bala e um veículo incendiado durante tumulto no centro da cidade

Informações dão conta que o veículo incendidado pertence a um policial da CIPE, (caatinga) porém a instituição não confirmou

Seis pessoas foram feridas por disparo de arma de fogo e um veículo foi incendiado na noite de sábado (04), durante um suposto desentendimento entre dois irmãos e um homem que se apresentou como policial militar na Avenida Landulfo Alves, na cidade de Riachão do Jacuípe. O fato aconteceu por volta das 23hs em frente à pizzaria de Gai, um dos pontos de maior concentração na avenida.

Segundo o pintor residencial Vanilson de Gino Araújo, 42 anos, tudo começou quando um grupo de pessoas estava concentrado em frente ao estabelecimento comercial e um homem que se identificou com policial tentou passar pelo local, iniciando uma discussão com os irmãos conhecidos como Sólon e Cícero. Ele não soube explicar o que motivou a discussão, porém em um determinado momento o suposto policial teria descido do carro, um veículo Fiat Pálio  e foi agredido por populares, tendo neste momento sacado uma pistola 380 e, segundo o pintor, como forma de se defender, começou atirar para o chão.

O pintor contou ao CN que o homem dizia ser policial e todos os disparos foram feitos de sua arma, mas em nenhum momento apontou para as pessoas e que diante da aglomeração popular que começou a quebrar seu carro, ele fugiu com destino ignorado e de repente viu que o carro já estava em chamas. Gino não soube dizer quem ateou fogo no carro. Na correria, seis pessoas, segundo populares, conhecidas na cidade por Anderson fotógrafo, Nego do material de construção, Pascoal e os irmão Sólon e Cícero e outra não identificada pelo CN foram feridas a bala e o homem que se identificou como policial sofreu tentativa de linchamento.

As vítimas deram entrada no Hospital Municipal e depois foram transferidos para a emergência dos Hospitais Clériston Andrade, em Feira de Santana e Geral, na capital do estado. Uma multidão, entre parentes e as pessoas que participaram de um comício na Avenida Eliel Martins, se concentrou em frente ao hospital em busca de informações, até as vitimas serem transferidas em três ambulâncias, sendo duas da Prefeitura.

Vanilson de Gino, disse que é militante do PDT, ou seja, do “12”, como a legenda é conhecida na cidade e a todo instante repetia que o fato não tinha relacionamento com o processo eleitoral. “Isso que aconteceu não tem nada haver como política partidária”, falou o pintor.

Duas guarnições da Companhia Litoral Norte (CIPE), sob o comando do tenente Anderson, compareceu ao hospital em busca de mais informações e disseram ao CN que só o comando central poderia conceder mais informações e não confirmou que o motorista do pálio era policial. Outra fonte, que pediu para não ser identificada, informou que o motorista era realmente policial lotado na CIPE, estava em sua folga e havia se dirigido ao centro da cidade para comprar uma pizza e ao retornar se deparou com esta situação.

Até o fechamento desta matéria ninguém havia sido preso, o motorista e as pessoas que atearam fogo no carro não foram identificados.  

Por: Valdemí de Assis / fotos Éder Araújo

comentários Esconder »
Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.
  1. gerusa: 
    SALVADOR - 9 de agosto de 2012
    TEMOS UM PAIS SEM IMPUNIDADE MESMO, TEMOS 6 PESSOAS BALEADAS, QUE ALGUMS AINDA PERMANECEM COM AS BALAS ALOJADAS.E FICAR UM MONTE DE GENTE QUE NEM SABE DO QUE SE TRATA A FAZER CRÍTICAS. A MINHA IRMÃ QUE NADA TINHA A VER FOI BALEADA , E DAI COMO FICAMOS, A JUSTIÇA TEM QUE SER FEITA.
  2. gerusa: 
    salvador - 9 de agosto de 2012
    AS PESSOAS SÓ CONSEGUE VER UM LADO DA VERSÃO. TUDO BEM AS PESSOAS SE EXALTA, MAIS DAI SACAR UMA ARMA E ATIRAR CONTRA AS PESSOAS SÓ GERA VIOLÊNCIA, NINGUÉM TEM O DIREITO DE SAIR ATIRANDO E DEIXAR 6 PESSOAS, BALEADAS. CONHEÇO TODOS E SÃO DE FAMÍLIA. NINGUÉM TEM O DIREITO DE JULGAR, ISSO É QUESTÃO DE JUSTIÇA. A JUSTIÇA SABERÁ O QUE FAZER. É MUITO FÁCIL CADA UM CONTAR UMA HISTÓRIA.
  3. Feirense x Jacuipense: 
    feira de santana - 7 de agosto de 2012
    É muito triste saber que pessoas da minha nobre cidade foi agredida fisicamente por motivo tão fútil que o mesmo nem chega a ser comentado, que possamos refletir no fato do que aconteceu, que o cidadão jacuipense aprenda a respeitar o outro, independente de qualquer coisa não se interdita uma rua assim , não se agride uma pessoa que porta uma arma, acho que não valeu a pena!
  4. betorjdd@hotmail.com: 
    Dias D'ávila - 7 de agosto de 2012
    Os eleitores de Riachão necessitam entender que eles estão brigando e os políticos não, as duas candidatas hoje são contra, no futuro podem estar do mesmo lado, e quem brigou fica com que cara?
  5. JOVÉM: 
    FEIRA DE SANTANA - 6 de agosto de 2012
    QUE COISA TRISTE TER ACONTECIDO ISSO ,NA VERDADE TODOS NÓS SOMOS SERES HUMANOS TEMOS O DIREITO DE IR E VIM . O POLICIAL FOI CERTISSIMO ELE NÃO IA DEIXAR QUE OS AGRESSORES ,VANDALOS É ASSIM QUE DEVEMOS CHAMAR . AGREDIRA UM SER SO POR PASSAR NA AVENIDA .E POR QUE ELES QUEREM FECHAR A AVENIDA ELES SÃO DEUS .POIS O UNICO QUE DEVE EMPEDIR DE PARAR É O TODO PODEROSSO.E NÃO OS VAGABUNDOS QUE NADA TEM
  6. marcos seixas: 
    RIACHAO - 6 de agosto de 2012
    REALMENTE A COISA TÁ FEIA EM RIACHAO. SÃO AS VELHAS RAPOSAS,OS AGIOTAS DA POLITICA, OS COMERCIANTES GANANCIOSOS E UMA MASSA DE MANOBRA CHAMADA POVO. ESTAMOS SEM OPÇÃO, POR ISSO VOU ANULAR MEU VOTO E NA PROXIMA ELEIÇÃO TRANSFERIR PARA VOTAR EM COITE NO 13 DE UM POLITICO CHAMADO ASSIS.
  7. JOSE: 
    5 de agosto de 2012
    SE AS AUTORIDADE NAO PROIBIR ESSAS LOUCURA QUE ESTAO FAZENDO EM NOSSA CIDADE, PODERAO OCORRER MORTES, UMA CAMPNHA SUJA E IMUNDA QUE NAO APRESENTA PROPOSTA, VC SO VER É NUMERO, MUSICAS DEPRECIATIVAS, ZUEIRA, OS JOVENS SENDO INCENTIVADOS A SIM DEGLADIAR, E AS VELHAS RAPOSAS, OS AGIOTAS, OS COMERCIANTES GANACIOSOS FINANCIANDO ESSE CAOS QUE ESTA NOSSA CIDADE!
  8. valter: 
    riachão do jacuipe - 5 de agosto de 2012
    As informações estão vindo por toda parte,quem é culpado,isso deixamos para a justiça apurar,o que devemos ver é esse episódio triste onde pais de familia quase pereceram diante do euforismo,da paixão, do abuso do alcool,onde prevalece a grande chaga da humanidade o égoismo.Que vença o candidato do bom senso, e do amor ao próximo!
  9. JZ: 
    Riachao do Jacuipe - 5 de agosto de 2012
    O negócio está começando a complicar! Essa aglomeração nesta região impedindo as pessoas de ir e vir gera violência...Ainda mais em um momento em que os ânimos estão exaltados!!! está na hora de baixar a bola desses vândalos. O policial tem culpa de reagir com truculência, mas se tomaarem providências o négocio vai ficar pior. Polícia e Justiça é Hora de agir!
  10. mario luis: 
    riachao do jacuipe - 5 de agosto de 2012
    independente do processo politico todo cidadao tem que ter o seu direito de ir e vim respeitado,o que está acontecendo é grave,não se podi atrapalhar a rotina das pessoas,se as autoridades não tomarem atitudes pra evitar essas situaçoes isso será só o inicio,o consumo de bebida e a paixão que as vezes deixa as pessoas fazerem coisas ridiculas;perdem a prudencia e o amor a´proximo.
veja também Ver todos »
A segurança no local ganhou reforço das guarnições Apolo, Rondesp Central e
Vítima teve ferimentos graves em outras partes do corpo. O dono dos animais é o suspeito do crime.
O assassino foi encontrado nas proximidades da localidade conhecida como "Barracão" que fica a 10 km da saída da cidade sentido a Ipirá.