euclides-da-cunha

segunda-feira, 26 de novembro de 2012 10:36

Homem mata esposa e familiares da vítima ‘devolvem com a mesma moeda’

O acusado do crime foi encontrado morto com sinais de espancamento minutos depois de matar a esposa

O Dia Internacional de Combate à Violência Contra a Mulher terminou trágico na cidade de Euclides da Cunha. Duas pessoas da mesma família foram assassinadas na noite de domingo,25. Os crimes ocorreram por volta das 21h, na Avenida Almerindo Rehem, bairro Chão Vermelho, comunidade próxima do bairro Nova América/Euclides da Cunha – BA.

De acordo com informações, os crimes aconteceram em um pequeno intervalo de tempo, cerca de cinco minutos. Na ocasião, José Carlos Lima de Jesus “Carlinhos” assassinou em um bar sua esposa, Diana Silva Nobre, desferindo um golpe de faca no lado esquerdo do peito da companheira, que morreu cerca de 10 minutos depois.

Pessoas que estavam no local após o crime telefonaram para Delegacia de Polícia de Euclides da Cunha, a qual enviou para o local uma equipe de policiais da Delegacia Territorial de Polícia Civil.Após o delito, o assassino pediu para chamarem a polícia, em seguida, correu por roças próximas à sua residência gritando, declarando que gostava dela, mas havia matado. Isso dá indícios claros de crime por motivação passional (crime que envolve paixão, ciúme ou algo relacionado). Logo, Carlinhos foi perseguido por parentes da vítima que o lincharam. Em meio a confusão, José Carlos foi encontrado morto próximo a sede da ACACEC, na estrada que dá acesso à comunidade de Formigas, com quatro perfurações na região da coxa da perna e uma perfuração no rosto, na altura de uma das orelhas. No corpo de “Carlinhos” havia lesões em um dos braços o que indica que pode ter havido luta corporal antes da morte, além de diversas marcas, possivelmente, de pedradas na cabeça.

Relatos de pessoas que estavam no local evidenciam que o primeiro crime tenha ocorrido por motivação de ciúmes já que houve um desentendimento entre o casal antes. Já o segundo crime tem características de vingança, pois aconteceu de forma imediata e há suspeitas de que tenha sido cometido por parentes. O casal estava consumindo bebidas alcoólicas no mesmo bar, desde o último sábado, 24, – como de costume nos fins de semana.

José Carlos e Diana moravam juntos há sete anos e tinham três filhos menores de idade. Eles moravam em uma residência próxima ao local dos crimes. José Carlos Lima de Jesus era conhecido como “Carlinhos”, tinha 45 anos, pedreiro e natural da cidade de Queimadas. Diana Silva Nobre, euclidense, estudante, tinha apenas 26 anos.

Uma equipe de peritos criminalistas da Polícia Civil integrada por Arivaldo das Mescês e Dr.Ronaldo Menezes esteve no local para acompanhar o caso. Os agentes da Polícia Civil Aparício Filgueiras e Luciano e o auxiliar Aloísio Júnior também estiveram no local dando todo apoio. Até o momento ninguém foi preso ou detido. A polícia civil já retomou o processo de investigação na manhã desta segunda-feira, 26.

 

Da redação CN * Informações e fotos: Euclides da Cunha .com



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.