agricultura

terça-feira, 13 de novembro de 2012 19:32

Inscrições para editais da CAR acontecem este mês

Até quarta-feira (14) devem ser enviadas as propostas relacionadas ao edital 002/12 - CAR/Ministério da Integração Nacional, que tem como objetivo selecionar 36 associações e cooperativas para a implantação de agroindústrias simplificadas e agroindústrias polivalentes de beneficiamento de frutas.

O prazo para inscrição dos dois editais da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Ministério da Integração Nacional termina este mês. As ações estratégicas do Governo do Estado buscam fortalecer as cooperativas e associações geridas por agricultores e trabalhadores (homens e mulheres) que desenvolvem atividades econômicas em regime de economia solidária.

Até quarta-feira (14) devem ser enviadas as propostas relacionadas ao edital 002/12 – CAR/Ministério da Integração Nacional, que tem como objetivo selecionar 36 associações e cooperativas para a implantação de agroindústrias simplificadas e agroindústrias polivalentes de beneficiamento de frutas.

Além disso, estruturar ou dinamizar Empreendimentos da Agricultura Familiar (EAF) voltados ao beneficiamento e a comercialização de frutas tropicais nos municípios dos territórios do Litoral Sul, Extremo Sul, Costa do Descobrimento, Baixo Sul, Litoral Norte, Sertão do São Francisco, Médio Rio de Contas e Vale do Jiquiriçá.

O valor do edital é de aproximadamente R$ 18, 4 milhões. O site da CAR (www.car.ba.gov.br) disponibiliza o formulário de inscrição (manifestação de interesse) e mais informações dos dois editais.

 

Economia solidária – O outro edital é o 001/12 CAR/BNDES de seleção de projetos de apoio a empreendimentos da agricultura familiar e economia solidária, de aproximadamente R$ 12 milhões. As inscrições estarão abertas o próximo dia 30.

Trata-se da segunda edição, que vai selecionar 43 projetos em todos os 27 Territórios de Identidade da Bahia, com valores de R$200 mil, R$400 mil e R$ 600 mil e privilegiarão as principais cadeias produtivas rurais e urbanas do Programa Vida Melhor.

Os recursos para a contratação dos projetos são provenientes do Tesouro do Estado e do BNDES, conforme contrato de cooperação financeira firmado com o Governo da Bahia.

Fonte:SECOM



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.