fatos-policiais

sexta-feira, 02 de novembro de 2012 18:11

Itiúba: Policia Civil e MP prendem homem acusado de estupro vunerável contra 22 crianças e adolescentes

Após vários meses de investigação, ficou constatado que o acusado para aliciar, realizar ato libidinoso e praticar relação sexual contra 22 crianças e adolescentes, realizava encontros em um bar.

Uma operação conjunta entre Policiais Civis do Município de Itiúba, e Ministério Público da Comarca, comandada pelo Delegado de Polícia Titular Dr. Claudio Gomes, e o Promotor de Justiça da Comarca Dr. Samuel de Oliveira Luna, em cumprimento mandado de prisão e busca e apreensão veicular e domiciliar, na última quinta-feira,01, por volta das 17 horas, conseguiram êxito em efetuar a prisão do acusado de praticar crime de estupro de vulnerável, identificado como José Barbosa de Oliveira, conhecido por “Zé da Topic”. Após vários meses de investigação, ficou constatado que o acusado para aliciar, realizar ato libidinoso e praticar relação sexual contra 22 crianças e adolescentes, realizava encontros em um bar localizado no Município de Itiúba, colocava as vítimas no interior do seu veículo tipo Topic cor branca, dirigindo-se para um local ermo e escuro no lugarejo denominado “Estado” no desígnio de consumar o seu desejo sexual, infringindo a Lei Penal.

No momento da realização da busca veicular e domiciliar, com fundamento em que determina a Lei Máxima do Pais, com a máxima cautela e comedimento necessário foram encontrados vários produtos tipo cosméticos utilizados para estimulação e pratica sexual.

O acusado encontra-se recolhido na cadeia pública do Complexo Policial do Município de Itiúba à disposição da Justiça Criminal, que por Decisão, decretou a Prisão preventiva, com fundamento nos Artº 311 do CPP, por pratica de crime tipificado no Artº 217 – A do Códex Penal Pátrio. (Estupro de Vulnerável).

ESTUPRO DE VULNERÁVEL

Art. 217-A. Ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de 14 (catorze) anos: Pena – reclusão, de 8 (oito) a 15 (quinze) anos.

§ 1o Incorre na mesma pena quem pratica as ações descritas no caput com alguém que, por enfermidade ou deficiência mental, não tem o necessário discernimento para a prática do ato, ou que, por qualquer outra causa, não pode oferecer resistência.

Informações da Polícia Civil de Itiúba.



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.