conceicao-do-coite

terça-feira, 29 de janeiro de 2013 20:17

Técnicos da Bahia Pesca e Ministério da Integração Nacional visitaram Açude de Itaurandi nesta terça

Acompanhado do secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Economia Solidária de Coité, Urbano Carvalho as equipes que vinheram a pedido da prefeitura avaliaram a situação atual da água.

VISITA COM TEC. DO MINISTÉRIODesde o acontecimento da mortandade de peixes no Açude Itarandi, ocorrido na semana passada, vários órgãos ligados a questão ambiental e recursos hídricos da Bahia já estiveram visitando a localidade como, o Centro de Pesquisas e Desenvolvimento – CEPED e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos – INEMA, autarquia da Secretaria de Meio Ambiente – SEMA. Nesta terça-feira, 29, mais duas equipes de técnicos, desta vez, da Bahia Pesca e Ministério da Integração Nacional visitaram a comunidade.

Acompanhado do secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Economia Solidária de Coité, Urbano Carvalho as equipes que vinheram a pedido da prefeitura avaliaram a situação atual da água.

“A gente encontrou uma situação realmente lastimável, com taxa de oxigênio dissolvido baixíssimo, com PH extremante alcalino, então a água não tem mínimas condições de uso para qualquer atividade que possa gerar renda para os moradores”, disse Jorge Figueiredo, diretor técnico da Bahia Pesca.

VISITA COM TEC. DO MINISTÉRIO.2

Ainda segundo Figueiredo, a partir deste primeiro momento, uma equipe do órgão vai ser deslocada para o município e irá continuar com o monitoramento da qualidade da água, além de desenvolver ações na comunidade em parceria com a prefeitura municipal.

Já pela tarde o município recebeu a visita de técnicos do Ministério da Integração Nacional e da Coordenação de Defesa Civil da Bahia (CORDEC). O prefeito Assis participou da reunião com os técnicos que lhe apresentaram detalhes de projetos ligados à capitação de água. Em seguida, acompanhados por Urbano Carvalho, a comissão se deslocou para conhecer de perto a real situação de alguns poços na zona rural.

O objetivo destas visitas, segundo Paulo Sergio Menezes, Coordenador adjunto da CORDEC é fazer um levantamento de poços artesianos na Bahia a fim de realizar uma seleção dos mesmos para que possam ser investidos recursos que já estão liberados e assim colocá-los em funcionamento. “Acreditamos que o pessoal do Ministério da Integração Nacional veio para um município que realmente necessita de aberturas de novos poços e de funcionamento dos que já existem e esperamos que possamos ajudar a enfrentar este problema que é a escassez de água na região do sisal”, avaliou Paulo Sergio.

Por Gilcimar Pereira – fotos/texto



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.