fatos-policiais

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 18:23

Empresário jacuipense morre enquanto trabalhava com caçamba

Venâncio com muita luta e dedicação já tinha o produto bastante conhecido em toda região inclusive nos grandes supermercados, a marca EduCoco.

joão-du-coco---des

O empresário Venâncio João de Oliveira, 42 anos, morador da Rua José Lins Rego, Bairro Alto do Cruzeiro, em Riachão do Jacuípe, morreu por volta das  15h desta segunda-feira, 14, enquanto realizava o trabalho de descarregamento de restos  de coco, com a caçamba de placa JOH 2051 licença de Feira de Santana, em um terreno baldio no perímetro urbano da cidade,  as margens da BR 324 saída para Tanquinho.

João Du Coco.3

Segundo populares, Venâncio era proprietário de uma empresa de engarrafamento de água de coco e depois de esvaziado toda carga era levada para o citado terreno. Informações de pessoas conhecidas da vítima davam conta que ele adquiriu recentemente a caçamba para realizar este tipo de serviço e que foi a primeira viagem do veículo para tal serviço. Ele estacionou a caçamba de lado para não ficar sobre a pista e parece que no momento que acionou a caçamba para despejar a carga o equipamento não funcionou, ele chamou uma pessoa para ajudá-lo e no determinado momento, teria sido ordenado a funcionar o veículo, quando  deu a partida o carro desceu a ribanceira, Venâncio desceu junto e o caminhão ficou sobre o seu corpo atingido sua cabeça. Populares também informaram ao CN que a esposa e um filho do empresário estavam no momento do acidente.

João Du Coco.4

O guincho chegou imediatamente ao local e conseguiu retirar a caçamba, pois segundo testemunhas o empresário ainda tinha sinais vitais, mas diante da gravidade do ferimento, já que teve parte do crânio esmagado deu entrada no Hospital Municipal em óbito.

João Du Coco.2Venâncio com muita luta e dedicação já tinha o produto bastante conhecido em toda região inclusive nos grandes supermercados, a marca EduCoco decorado em copo plástico já estava bastante popular e gerando empregos.

O corpo do empresário foi encaminhado no fim da tarde para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana onde irá passar por autópsia.

Venâncio deixa esposa e três filhos.Ele era irmão da funcionária publica estadual (EBDA) Iraci Oliveira, que também morreu de forma trágica em Conceição do Coité a cerca de três anos, próximo ao Posto de Neto II.

 

Por: Valdemí de Assis / fotos: Raimundo Mascarenhas

 

 

 

 

 



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.