bahia

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013 12:30

Estudantes da rede estadual aprendem inglês para a Copa do Mundo

Além das aulas regulares, o projeto conta com aulas extra e acompanhamento permanente do aluno.

Aulas de inglês duas vezes na semana e atividades extra às sextas-feiras. Assim tem sido a rotina de 500 estudantes de escolas estaduais de Salvador desde o dia 7 de janeiro, quando foi iniciado o Curso de Extensão em Língua Inglesa para estudantes da rede pública, oferecido pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia em parceria com a Universidade Federal da Bahia (Ufba). As aulas acontecem no Centro Juvenil de Ciência e Cultura, que funciona no Colégio Central, em Salvador. Até o final de 2013, serão oferecidas mais 1000 vagas para o curso.

A metodologia utilizada é a The Communicative Approach – abordagem comunicativa, que prioriza o ato comunicativo em vez da frase. “O nosso objetivo é preparar o aluno para o turismo receptivo, com noções do idioma para atuação em eventos como a Copa do Mundo 2014 e as Olimpíadas 2016. Para isso, estamos seguindo um método de inglês da Oxford, com ênfase na oralidade, utilizando material voltado para a realidade brasileira”, explicou o coordenador do projeto pela Ufba, Newton Seixas.

A carga horária do curso é de 136 horas/aula, com duração de um ano. Juliete Lima é estudante do 2º ano do ensino médio do Colégio Estadual Deputado Manoel Novaes e nunca tinha feito curso de língua estrangeira. “Eu tenho muita vontade de aprender inglês, sem falar que o curso é gratuito. É uma oportunidade única”. Já Igor Michel, que o cursa o 2º ano do ensino médio no Colégio Estadual Cosme de Farias, tinha noção do idioma mas pretende avançar nos conhecimentos sobre a língua. “Espero sair daqui pronto para ampliar meu vocabulário. Já aprendi até algumas palavras novas”.

Além das aulas regulares, o projeto conta com aulas extra e acompanhamento permanente do aluno. “Em qualquer curso de extensão livre, você tem os Make up classes. O professor vai observando, ao longo do curso, quem está faltando, quem não tem o rendimento adequado, além dos casos especiais: alunos com dificuldade de leitura e dislexia”, explica o coordenador Newton Seixas.

Parceria – A participação e o interesse dos pais dos estudantes tem se mostrado bastante relevante para o bom andamento do curso. “O sucesso também está relacionado aos pais. Eles estão sempre presentes. Estamos criando, inclusive, um espaço para os pais nos dias de aulas de reforço”, avalia o coordenador Newton Seixas

Outra boa parceria é com a equipe de professores do curso de extensão em língua inglesa da própria Ufba, além de psicólogos e psicopedagogos. O projeto está contribuindo para a práxis de estudantes de graduação e pós-graduação da universidade que acompanham as aulas, como monitores. Os graduandos são tutorados por mestre e doutores do Departamento de Letras Germânicas da Ufba e seus convidados em sociolinguística intercultural. Ao final, o projeto Curso de Extensão em Língua Inglesa para estudantes da rede pública vai ser transformado em projeto de pesquisa dos graduandos, fortalecendo o intercâmbio de conhecimentos entre educação básica e superior.

Centro Juvenil – O Centro Juvenil de Ciência e Cultura (CJCC) é uma iniciativa de educação complementar da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, que visa ampliar o acesso da juventude baiana às temáticas contemporâneas.  Para tanto, o centro oferece aos estudantes do ensino médio uma diversidade de atividades culturais e de acesso ao conhecimento científico, em especial cursos e oficinas.

O curso de extensão em inglês é o primeiro curso oferecido pelo CJCC, com sede no Colégio Central da Bahia. No primeiro período, foram contemplados 500 estudantes das 1ª e 2ª série do ensino médio. A previsão é que o centro disponibilize vagas em cursos de game, universo e seus mistérios (relacionado à astronomia), set musical, design e ilustração, entre outros.



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.