fatos-policiais

terça-feira, 15 de outubro de 2013 15:17

Servidores presos acusados de fraude no setor de veículos tem nomes divulgados pelo Detran

Ainda conforme o Detran-BA, a investigação ocorre há cerca de seis meses e visa apurar fraudes diversas em relação a transferência de veículos e emissão da Carteira Nacional de Habilitação

Foto: Brumado Notícias

Foto: Brumado Notícias

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) divulgou, nesta terça-feira (15), os nomes dos funcionários presos pela polícia, todos acusados de envolvimento em uma suposta fraude no setor de veículos.

Na ação, iniciada na madrugada desta terça, a polícia prendeu Ivan da Silva Santos, da 8ª Regional de Trânsito (Retran), em Paramirim; Isau Cardoso dos Santos, Leda Cristina Brito dos Santos e Saulo Miranda Silva dos Santos, todos lotados na 18ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), em Brumado, no sudoeste baiano.

“O Detran-BA esclarece que o órgão já tinha conhecimento do caso através da realização de auditorias e para não prejudicar o trabalho do Ministério Público e Polícia Civil aguardou o desfecho da operação”, informou, em nota enviada à imprensa.

Ainda conforme o Detran-BA, a investigação ocorre há cerca de seis meses e visa apurar fraudes diversas em relação a transferência de veículos e emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de roubo de motocicletas, receptação e venda de peças automotivas em desmanche de veículos.

“O diretor geral do Detran-Ba Maurício Botelho já autorizou a publicação da exoneração sumária de todos os servidores, além da abertura de processo administrativo para que os fatos sejam apurados, a serem publicados no Diário Oficial do Estado da Bahia de amanhã”, informou na nota.

Com informações do Bahia Notícias*



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.