saude

terça-feira, 08 de outubro de 2013 16:31

Vacina contra malária deve está disponível em 2015

Testes mostraram que, 18 meses após a vacinação, bebês e crianças pequenas com idades entre 5 e 17 meses tiveram uma redução de 46% no risco de manifestações clínicas da malária

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

A fabricante britânica GlaxoSmithKline (GSK) busca a aprovação para a vacina contra a malária, depois de testes mostrarem que ela diminuiu o número de casos de crianças africanas infectadas. Especialistas se mostram otimistas sobre a possibilidade de ter, pela primeira vez no mundo, imunidade contra a doença em 2015, segundo a BBC.

A malária, uma doença parasitária transmitida por mosquitos, mata centenas de milhares de pessoas em todo o planeta a cada ano.

Os cientistas dizem que uma vacina eficaz é essencial para as tentativas de erradicar a doença. O imunizante conhecido como RTSS conseguiu diminuir quase pela metade o número de casos de malária em bebês e crianças pequenas e em cerca de 25% em recém-nascidos.

Testes mostraram que, 18 meses após a vacinação, bebês e crianças pequenas com idades entre 5 e 17 meses tiveram uma redução de 46% no risco de manifestações clínicas da malária. Mas, em lactantes com idades entre seis e 12 semanas, no momento da vacinação, houve uma redução de apenas 27%.

Um porta-voz da GSK afirmou à AFP que a companhia iria apresentar o pedido à agência em um processo destinado a facilitar a liberação de novas drogas para países mais pobres.

Com informações do Bahia Notícias*



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.