bahia

sábado, 31 de maio de 2014 11:13

Coité – Alex Lopes destaca avanços da gestão através das rádios na região

Nas diversas entrevistas ele tem defendido a construção de “hospitais gerais” em cada território de identidade.

alex na continental.2

Na última visita que a fez a Bahia no dia 17 de maio 2014, quando o PDT oficializou o apoio ao pré-candidato a governador Rui Costa (PT), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), criticou a imprensa considerada de massa e orientou aos prefeitos e os políticos, a usarem os diversos meios de comunicação local, a exemplo das rádios comerciais ou comunitárias com alcance regional, jornais periódicos e os sites de notícias dos municípios do interior, por entender ser uma forma direta de conversar com os moradores mais próximos de suas bases e tratarem de assuntos que dizem respeito a eles. Mesmo sem participar do evento com Lula, quem tem feito isto constantemente é o vice-prefeito de Conceição do Coité, Alex Lopes (PMDB), pré-candidato a deputado estadual.

Alex falou da administração de Assis e seu futuro político.

Alex falou da administração de Assis e seu futuro político.

Nos últimos oito dias o pemedebista concedeu entrevistas a rádios de Riachão do Jacuípe, Serrinha e Conceição do Coité, onde aproveitou para fazer um balanço dos 18 meses de gestão do prefeito Francisco de Assis (PT). Alex tem afirmado que neste período houve verdadeiras mudanças que melhoraram a vida do povo, a exemplo da reabertura dos Hospital Municipal, um sonho da comunidade, fechado um dia após a eleição e a derrota do ex-prefeito Renato Santos (PP), que disputou a reeleição.

Quase que um ritual, os ancoras dos programas tem questionado o pemedebista sobre a situação como encontraram o município em janeiro de 2013 e ele tem relatado sobre os vícios que existiam na Prefeitura e os esforços feitos para mudar este costume, pois “muitos funcionários ligados politicamente ao grupo que dominou Coité por 40 anos trabalhavam para que não houvesse sucesso a nova gestão e de forma democrática foi se trabalhando esta mudança e hoje isto praticamente acabou, restando apenas um pequeno grupo que tinha vantagem ou mesmo nem trabalhava e estão hoje cumprindo horário, são aqueles que percebemos ainda resistir, mas são poucos, muito pouco”, garante Alex da Piatã, como é conhecido.

Alex tem afirmado também que a aliança feita com Assis em 2012 não foi eleitoreira e sim de implantação de um projeto de transformação do município de Conceição do Coité, principalmente uma nova forma de fazer política, melhorando a vida das pessoas pois segundo ele, uma gestão só é boa se melhorar a vida das pessoas. Alex falou durante uma entrevista ao radialista Clériston Silva, ancora do programa Serrinha Agora, na rádio Continental de Serrinha.

Ao ser interrogado pelo locutor, Alex falou sobre os trabalhos que vem sendo realizado na pré-campanha com objetivo de coletar informações para elaboração da proposta d mandato que será apresentado durante a campanha e confirmou que que vem focando este trabalho em mais de cem municípios distribuídos em todo estado o que lhe permite tem um conhecimento dos problemas da Bahia. Segundo Alex, a ideia de sair candidato foi do partido em 2010, mas entendeu na época que não estava preparado e começou a trabalhar com este objetivo e sente hoje pronto para exercer o mandato legislativo.

Nas diversas entrevistas ele tem defendido a construção de “hospitais gerais” em cada território de identidade, ampliação da utilização do sisal, deixando assim de ser refém apenas da fibra para produção de cordas e tem defendido o fortalecimento dos consórcios entre os municípios.

Questionado pelo CN sobre o comportamento e a postura de oposição da rádio Sisal AM de Conceição do Coité, Alex lamentou que neste tempo de modernidade onde prevalece a democracia, os diretores da emissora se comportem desta maneira. “A Rádio Sisal deveria usar o espaço para relatar as ações do deputado filho da terra que ao longo dos quatro até o momento não se sabe uma ação que tenha realizado, principalmente em Coité, onde obteve mais de dez mil votos e não estão sendo respeitados. Afinal, podia usar a rádio do pai para dizer o que fez até o momento”, concluiu.

Redação CN



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.