bahia

sexta-feira, 30 de maio de 2014 17:16

Um é preso e sete estão foragidos por fraude fiscal que soma R$ 90 milhões

O principal suspeito, que é dono da empresa, tem quase 50 imóveis, dentre fazendas, terrenos, casas e pontos comerciais, além empresas.

operacao_1Uma pessoa foi presa e outros sete estão foragidos suspeitos de participar de um esquema de fraudes fiscais que somam R$ 90,5 milhões. A Operação Vesúvio foi deflagrada nesta sexta-feira (30) nas cidades de Ubatã, Caravelas, Itabuna, Ibirapitanga e Ipiaú, no sul e no extremo sul da Bahia. A identidade dos suspeitos não foi revelada.

De acordo com a Secretaria da Fazenda da Bahia (Sefaz-BA), 41 empresas pertencentes a um grupo foram identificadas. A operação apura indícios de sonegação fiscal e interposição fictícia. O principal suspeito, que é dono da empresa, tem quase 50 imóveis, dentre fazendas, terrenos, casas e pontos comerciais, além empresas. A Sefaz informa que o suspeito já foi denunciado pelo Ministério Público Federal por crime de ordem tributária também em Jequié.

Dentre as práticas ciriminosas identificadas nas investigações estão a criação ou compra de emmpresas em nome de familiares e de empregados do grupo; administração de empresas do grupo através de procurações; blindagem patrimonial por meio de doação de bens a familiares, além de alterações nos contratos sociais das empresas para modificar o quadro de sócios com o objetivo de confundir a fiscalização.

Participaram da operação ainda o Ministério Público estadual, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal e aos Crimes Contra a Ordem Tributária, Econômica, as Relações de Consumo, a Economia Popular e Conexos (Gaesf); secretarias da Fazenda (Sefaz) e de Segurança Pública (SSP), por meio da Delegacia de Crimes Econômicos e Contra a Administração Pública (Dececap); e Procuradoria- Geral do Estado, via Procuradoria Fiscal.

Redação: CN*Informação: G1



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.