bahia

quinta-feira, 26 de junho de 2014 12:42

Bahia produzirá medicamento que será distribuído gratuitamente pelo SUS

Apresentado na cerimônia de inauguração, o primeiro medicamento a ser produzido pela unidade é a Cabergolina, indicado para pessoas com distúrbios hormonais, como os que interferem na produção do leite materno, por exemplo.

G

Inaugurada na manhã desta quinta-feira (26) pelo governador Jaques Wagner, no Centro Industrial de Aratu (CIA Sul), em Simões Filho, a nova unidade da Fundação Baiana de Pesquisa Científica e Desenvolvimento Tecnológico, Fornecimento e Distribuição de Medicamentos – a Bahiafarma – vai produzir medicamentos de interesse social para o Sistema Único de Saúde (SUS), ampliando a oferta e reduzindo o custo para a rede pública.

G
O governador afirmou que a retomada da Bahiafarma, após 12 anos, vai ampliar a oferta de remédios distribuídos pelo SUS. “Trata-se de um recomeço em outro patamar com esforço grande do Governo do Estado, em parceria com o Governo Federal e com o laboratório privado que faz a transferência de tecnologia e já com planejamento de expansão nos próximos cinco anos, trazendo emprego, saúde e tecnologia”. A entrega da fábrica que contou com investimentos de R$ 27 milhões, sendo R$ 12 milhões do Governo do Estado, teve as presenças do ministro da Saúde, Arthur Chioro, e do secretário da Saúde do Estado, Washington Couto.

G
Apresentado na cerimônia de inauguração, o primeiro medicamento a ser produzido pela unidade é a Cabergolina, indicado para pessoas com distúrbios hormonais, como os que interferem na produção do leite materno, por exemplo. Com a fabricação na Bahia em uma indústria pública, o produto farmacêutico, atualmente importado da Itália e da Argentina, passará a ser fornecido ao ministério da Saúde pela metade do preço de mercado, sendo distribuído gratuitamente através do SUS. A redução nos custos reflete diretamente no orçamento para o pacientes que necessitam do remédio.

Fonte e fotos: SECOM

Fotos: Carol Garcia/GOVBA



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.