bahia

sábado, 14 de junho de 2014 13:58

Procissão e missa marcam encerramento da festa de Santo Antônio com muita fé e devoção

A celebração já é realizada no município a cerca de 199 anos depois da fundação da igreja.

G

A festa em comemoração a trezena de Santo Antônio que teve iniciou no dia 31 de maio,aconteceu 13 dias de missas e orações,onde contou com as presenças das comunidades da zona rural e sede do município. Para cada dia um tema foi proposto para reflexão,uma pastoral ou movimento estava responsável pela liturgia e duas ou mais comunidades marcaram presença, quando todos demonstraram o seu amor para com Santo Antônio padroeiro, elevando os agradecimentos a Deus, pelo testemunho do Santo.

Na manha de sexta- feira (13), a comunidade católica em festa, comemorou o dia do padroeiro da cidade de Queimadas. Com uma missa de celebração com bênçãos dos pães em comemoração ao dia do seu padroeiro presidida pelo Frei Miguel, vigário paroquial. A tarde procissão saindo da igreja matriz por volta das 16 horas percorrendo varias ruas da cidade, com andor e cantos até a igreja de Santo Antônio , onde foi realizado uma missa celebrada pelo Dom Francisco Canindé.

G

O Frei Jarilson falou sobre algumas atividades que marcarão em 2015 os duzentos anos da igreja. “Desde já estamos incentivando toda a paroquia a entrar em oração, cada comunidade em sintonia com a igreja matriz, programando com louvores e adorações a Deus da vida por tamanha graça de celebrar 200 anos de construção da primeira igreja católica no município”,disse o religioso.

O mesmo deixou uma mensagem ao fiéis, “me sinto muito feliz de celebrar o segundo ano de trezenário nesta paroquia, com a participações das pastorais , grupos de movimentos da nossa igreja, que atentamente estão a escuta do seu pastor, espero que durante esses 13 dias de orações e pregações possam fazer eco no coração de cada um, e que possamos viver o evangelho de Jesus Cristo, queremos uma sociedade melhor a nos mesmos. Deixando Cristo transformar a nossa vida com sua palavra”. Finalizou o Frei.

santo antonio das queimadas.3

A celebração já é realizada no município a cerca de 199 anos depois da fundação da igreja. Conta a história, que Dona Izabel Maria Guedes de Brito, abastada proprietária da fazenda “As Queimadas”, tornou- se fervorosa devota de Santo Antônio desde o dia em que uma pequena imagem de madeira, de apenas 45 centímetros de altura, apareceu debaixo de uma árvore que alguns dizem ter sido uma quixabeira, no alto desta colina que domina a paisagem de um extenso trecho do vale do Itapicuru.

A imagem , recolhida como todo carinho, desapareceu por três vezes consecutivas do nicho da piedosa senhora para aparecer sempre no mesmo lugar onde fora encontrada. Nesse vai e vem, diz a lenda que por lá passaram uns missionários capuchinhos que , ao tomarem conhecimento do estranho fato- tido e havido por milagre- aconselharam que no local exato do sagrado aparecimento deveria ser construída uma igreja consagrada ao santo e que a localidade, dali por diante, o teria como seu padroeiro e passaria a se chamar Santo Antônio das Queimadas.

 

Por: Sidicleiton Souza( Zé Bim)

 



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.