bahia

terça-feira, 09 de setembro de 2014 19:46

Coité – Ação dos assaltantes da Polly Joias durou 12 minutos; bandidos sondaram outras joalherias antes ( Veja o Vídeo)

Assaltantes sondaram outras lojas do ramo antes de agirem criminosamente contra a Polly Joias

O homem de costas esteve pela manhã no joalheria e retornou a tarde para assaltar e levar terror.

O homem de costas esteve pela manhã no joalheria e retornou a tarde para assaltar e levar terror.

A dupla que assaltou a Polly Joias, uma das mais tradicionais joalheria de Conceição do Coité, pouco depois das 14h da última segunda-feira,08, sondou outras lojas do mesmo ramo, esse levantamento foi feito pela Polícia na tentativa de encontrar outras imagens que possam ajudar na identificação dos assaltantes. As informações inicias dão conta que os marginais não são de Conceição do Coité.

Foi visto nas imagens de outros estabelecimentos apenas um homem, o mesmo foi registrado em no sistema de monitoramento de outra joalheria e saiu depois de ter conversado com uma funcionária e perguntado se trabalhava com ouro ou reformava aliança ela disse não prestar tal serviço. Outras pessoas identificaram depois pelas fotografias extraídas do sistema de monitoramento da Poly Joias.

Conforme foi relatado na reportagem anterior, um homem chegou a Polly Joias pela manhã fazendo uma série de perguntas sobre a prestação de serviço oferecido pela joalheria e deixou o recinto, retornou na parte da tarde sozinho, e demonstrava interesse de comprar um par de alianças, no determinado momento pegou o celular dizendo que ia ligar para a noiva para fazer a escolha, mas a ligação seria para o comparsa que chegou com uma mochila e logo em seguida anunciaram o assalto de forma silenciosa.

Primeiro conduziu o gerente para uma sala privativa onde fica o cofre e parte do estoque da mercadoria, e disfarçadamente foi levando de uma em uma funcionária, e também uma cliente. A loja passou a ficar os próximos doze minutos em poder dos marginais que na sala mantinha os funcionários e uma cliente sob a mira dos revolveres, e colocando na mochilas uma grande quantidade de joias e relógios. Os bandidos, segundo uma funcionária eram muito violentos e irônicos.

 

Redação CN 



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.