brasil

sexta-feira, 19 de setembro de 2014 14:51

Ex-diretor da Petrobras diz ter recebido R$ 1,5 milhão na compra da refinaria de Pasadena

O acusado colabora com a investigação em acordo de delação premiada, para obter redução da pena.

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa disse, em depoimento à Polícia Federal, ter recebido R$ 1,5 milhão de propina para participar de um esquema de corrupção relacionado à compra da refinaria de Pasadena, nos EUA, de acordo com reportagem do Jornal Nacional.

Os interrogatórios ao ex-diretor começaram em 29 de agosto, na Superintendência da Polícia Federal no Paraná, onde ele está preso. Os depoimentos foram feitas a um delegado, a um procurador e a um escrivão. A defesa acompanhou tudo. As declarações foram gravadas em vídeo, anotados e criptografados.

O material foi guardado em um cofre. O acusado colabora com a investigação em acordo de delação premiada, para obter redução da pena. Convocado para comparecer à Comissão Parlamentar Mista do Congresso, Costa não respondeu a nenhuma pergunta dos congressistas. Ele foi preso pela PF em março, durante a Operação Lava Jato, que investiga os crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Redação: CN*Informação: Bahia Noticias



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.