variedades

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015 22:46

Cantor coiteense morto há oito anos fez parte da história do axé baiano

Ousado, Daudeth levou o axé da Bahia para a Avenida Paulista em São Paulo com a realização da primeira e única micareta na capital paulista.

Foto: reprodução acervo da família.

Foto: reprodução acervo da família.

O cantor Daudeth Santana, natural de Conceição do Coité,  completaria 56 anos neste ano que o axé completou 30 anos.Ele morreu no dia 27 de agosto de 2007, no Hospital Roberto Santos em Salvador (BA) vítima de meningite bacteriana.Dal Santana como também era chamado, acompanhou a transição do frevo baiano de Morais Moreira, Dodô e Osmar e outros nomes da época, com a chegada do axé de Luiz Caldas, Chiclete Com Banana, Sarajane, Banda Mel, Banda Reflexus entre outros.

A voz e o ritmo se assemelhava a Luiz Caldas.

A voz e o ritmo se assemelhava a Luiz Caldas.

Daudeth que foi locutor de serviço de auto falante em Coité, teve destaque também como animador do Trio Marabá e viajou para Salvador, no novo mercado gravou dez discos e trabalhou ao lado de grandes artistas como Luis Caldas, com quem fez parceria no início da carreira, e o jamaicano Jimmy Cliff, que se apresentou em Salvador e Serrinha em show que teve sua produção e promoveu a primeira e única micareta na Avenida Paulista, em São Paulo.

Mas seu grande sucesso que repercutiu nacionalmente não foi no axé music e sim dentro de uma coletânea de lambada produzida pela gravadora Som Livre sendo a primeira musica do disco com o titulo ” Mexa Mexa”.

Dal Santana empresariou por vários anos o Trio Elétrico Tapajós em todo o país e deixou de cantar para produzir eventos e programas de televisão e seu último trabalho de produtor foi no programa “Oxente Gente”, veiculado na TV Band Bahia. Santana preparava a primeira micareta do distrito de Salgadalia / Coité que seria realizada no mês de setembro mas infelizmente não teve a oportunidade devido as complicações de saúde que o levou a morte no fim de agosto de 2007.

Circuito Daudeth Santana

Circuito ainda não tem nome.

Circuito da Coité Folia

O Calila Noticias fez uma reportagem em maio de 2011 durante o Coité Folia e sugeriu que fosse colocado o nome do circuito Daudeth Santana, para homenagear o artista, como a cidade nos últimos anos não vem realizando a festa, a sugestão perdeu força, mas nesse ano que a chama do axé se acendeu, não há informação se haverá ou não a Coité Folia, mas ao tomar conhecimento dessa proposta, o vereador Jerônimo Mendes de Oliveira (PMDB), mais conhecido por Gel de Tetê, em contato com o Calila parabenizou pela sugestão e falou que irá consultar os arquivos da Câmara e caso não esteja oficializado, apresentará um projeto neste sentido.

Redação CN



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.