bahia

quarta-feira, 16 de março de 2016 18:45

Comissão de Riachão do Jacuípe vai a Salvador discutir ações para “destravar” o polo ceramista

Representantes estiveram também na ANATEL para cobrar implantação da torre da Claro.

renião sobre a claro

Uma comissão formada pelos vereadores Adonias Alves dos Santos (PSD), José Silvestre Nunes da Silva (PTB), mais conhecido por Zil de Barreiros, presidente da Cooperbareiros, Everaldo Simões, suplente de vereador João Carlos (PT), e o chefe de gabinete do deputado Alex da Piatã, Valdemí de Assis, participou de uma reunião na Secretária de Planejamento, como o diretor do departamento de Planejamento Territorial, Thiago Xavier e Edelvira Silva, coordenadora, para intermediar as reivindicações junto aos órgãos do governo. Eles discutiram os encaminhamentos para retomada das obras de construção do polo ceramista.

reunião dos vereadores de riachão

Ficou definido que de imediato será convocada uma audiência com a Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial (SUDIC), para que seja discutido o que realmente falta para o avanço das obras e a realocação das empresas cerâmicas em área apropriada para o desenvolvimento da atividade, cujo investimento do estado é da ordem de R$ 2,8 milhões. Em 2010, as fábricas estavam em vias de fechamento por conta da localização e o ministério público recomendou o deslocamento para uma nova área. Após essa reunião, deverá acontecer outra com representantes da Desenbahia, Coelba e Embasa.

renião sobre o polo ceramista

A comissão também esteve com o gerente regional da Anatel, Hermano Barros Tercius, cobrando, pois a Claro tinha até 31 de dezembro do ano passado para instalação da torre de telefonia móvel no distrito e o prazo não foi cumprido, estando à comunidade sem esse serviço, o que vem causando prejuízo, principalmente ao comercio, pois Barreiros é o segundo polo de cerâmica da Bahia.

Da redação



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.