bahia

sexta-feira, 08 de abril de 2016 15:49

Governo vai pagar R$ 15 milhões em prêmios para policiais

Além do aumento da produtividade policial, o ano de 2015 foi marcado pela redução de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs).

Retirada de arma e droga de circulação e menos assassinatos resulta é bonus para os militares da Bahia.

Retirada de arma e droga de circulação e menos assassinatos resulta em bônus para os militares da Bahia.

O Governo do Estado vai pagar R$15 milhões para 9.884 servidores das polícias baianas. O Prêmio por Desempenho Policial (PDP) é uma iniciativa que visa à valorização dos integrantes das forças de segurança estaduais. Ele será destinado a profissionais que atuam em dezenove Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisps) que bateram a meta semestral de redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) em 6% e de duas que bateram a submeta de diminuição entre 3 e 5,9%.

Passando para as Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp) serão quatro premiadas. As Risps Atlântico e Central, ambas em Salvador, a Risp RMS e a Sul. O pagamento será lançado em folha especial no mês de maio.

Com o objetivo de estimular e ampliar a diminuição desses índices criminais, o prêmio, com as novas regras estabelecidas ainda em 2015, será distribuído da seguinte forma: 50% estão garantidos se a Aisp em que ele atuar atingir a meta ou reduzir homicídios; 25% se a Risp cumprir a meta; e os outros 25% se todo o estado cumprir a meta.

No segundo semestre, com a mudança do PDP, determinada pelo governador Rui Costa, será definida uma nova meta de redução, sob a coordenação do Comitê Executivo do Pacto pela Vida, incentivando ainda mais os efetivos. As unidades que alcançarem a meta nesse período receberão o prêmio no mês de outubro.

 Prisão de quase 20 mil suspeitos

O planejamento estratégico da Secretaria da Segurança Pública (SSP) do Governo do Estado resultou no aumento da produtividade policial estadual em 2015. Na comparação com 2014, o número de prisões em flagrante subiu 6,1%, totalizando 19.739 criminosos capturados. Foram cumpridos ainda 3.557 mandados de prisão, 52,9% a mais do que em 2014, além de 4.998 armas tiradas das ruas, dado 8,1% maior na comparação com o mesmo período.

De acordo com a SSP, cerca de cinco toneladas de drogas (maconha, cocaína, crack, entre outras) foram apreendidas pela polícia, na Bahia, em 2015.

 Redução de crimes violentos

Além do aumento da produtividade policial, o ano de 2015 foi marcado pela redução de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs). Das 52 Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisp) 26 conseguiram redução de CVLI, além de duas que permaneceram com o mesmo número do ano anterior.

Os CVLIs englobam, além das ocorrências de homicídio, também latrocínio e lesão corporal seguida de morte, e tiveram diminuição de 1,1% na Bahia no ano passado, em comparação com 2014. As regiões que alcançaram diminuição foram as AISPs: Pituba (-57,1%), Santa Maria da Vitória (-28,9%), Lauro de Freitas (-25,5%), Brumado (-24,3%), Rio Real (-23,8%), Ilhéus (-22,3%), Eunápolis (-21,5%), Itapuã (-21%), Tancredo Neves (-20,7%), Feira de Santana (-20%), Pojuca (-17,3%), Dias D’Ávila (-16%), Itabuna (-13,6%), Liberdade (-13,1%), Camaçari (-12,2%), Guanambi (-8,3%), Brotas (-6,8%), Cruz das Almas (-6,8%), Nordeste de Amaralina (-6,7%), Simões Filho (-4,9%), Vitória da Conquista (-4,1%), Paulo Afonso (-1,8%), Itapetinga (-1,7%), Senhor do Bonfim (-1,6%), Candeias (-0,9%) e Serrinha (-0,8%).



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.