colunas

terça-feira, 26 de abril de 2016 22:39

O político de pensamentos alienados a quê ? – Ângelo Almeida

Todo ser humano é político, alienado ou não, pensa ele que não participa da sociedade, mas é vítima ou influenciado por esse conjunto de leis e regras que determinam a vivência em sociedade.

“ Transferência para outra pessoa de um bem ou direito.” Dicionário da Língua Portuguesa definição de “alienação”. Nesse sentido a dívida fora pago com algum patrimônio alienado para tal finalidade. Mas, o alienar-se é ser estranho, ou ignorar ou desconhecer o pensamento que lhe impulsiona a agir sem liberdade de ser o que gostaria.

Constantemente somos atiçados a pensar sobre a trajetória da nossa vida:
– Vale a pena viver como vivemos?
– Vale a pena pagar um preço tão alto para ser o que somos e adquirir o que temos ?
Com tais perguntas poderá ser que estejamos alienando o nosso pensamento a algum sentimento?

Entre tantos questionamentos resta-me crê um dia ou no hoje estou alienado a algum pensamento que detém-me em delírios? Negando a vida como realmente deve ser vista? No entanto, se vivemos em quê e para quê estamos vivendo? Ou no mínimo estamos presos a um sistema político ou administrativo falido por a nobre sutileza de um instinto pecaminoso e tendencioso ao mal.

O Brasil acordou em 2016 para uma reviravolta, onde de um lado tem os sujos limpando os limpos? De um outro lado os acusados de sujo por sujos? Todos alienados ao pensamento de direito e dever. Porém, um distorcido raciocínio se diz que, -“se o dinheiro é do povo, eu sou o povo, então eu faço do dinheiro público o meu patrimônio”? Quem assim raciocina é um ser humano dotado de sutil angústia de não se alegrar com o que tem, nunca enche sua alma é um poço sem fim e vazio. O quê tenho medo de, também, ser vítima desse pensamento alienante que infesta e contamina o cérebro de muitos políticos brasileiros.

Mas a batuta está segura, o Maestro não pede permissão de reger a sua Orquestra. O tom, o compasso está na independência de ser livre e fazer o que lhe apraz. Esse é um sentimento que o povo leva em seu coração, de ser livre, de fazer o que lhe apraz, quando defendem alienadamente um pensamento de mudança sem analisar as consequências, chega a jorrar o sangue do inocente que ainda não se deu conta de ser alienado não por força de vontade mas oprimido por um sistema político. Por pouco abrem os olhos e enxergam que eram escravos de sentimentos alheios, porém, quem não foi alienado está com a batuta na mão, somente, Deus, ainda não sentiu esse sentimento.

Todo ser humano é político, alienado ou não, pensa ele que não participa da sociedade, mas é vítima ou influenciado por esse conjunto de leis e regras que determinam a vivência em sociedade.

Por fim em quê você ser político pensa está alienado? Alienado a roubar mais do seu país? Alienado a guardar patrimônio que não usufruirá? Alienado a quê?

Prof. Ângelo Almeida



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.