brasil

sexta-feira, 23 de setembro de 2016 17:04

STF autoriza investigação preliminar de citação a Temer e Aécio em delações da Lava Jato

De acordo com o jornal O Globo, Machado informou ao Ministério Público Federal que recebeu pedido de propina do peemedebista para financiar a campanha de Gabriel Chalita à prefeitura de São Paulo, em 2012.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

O ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou nesta sexta-feira (23) que seja aberta uma petição com trechos de delações que citam o presidente Michel Temer (PMDB). O documento encaminhado por Teori para o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, é baseado em depoimento do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado.

De acordo com o jornal O Globo, Machado informou ao Ministério Público Federal que recebeu pedido de propina do peemedebista para financiar a campanha de Gabriel Chalita à prefeitura de São Paulo, em 2012. O valor de R$ 1, 5 milhão teria saído dos cofres da Queiroz Galvão, empreiteira investigada na Operação Lava Jato. Teori também solicitou a investigação de indícios contra outros políticos citados por Machado, como o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Agora, Janot deve opinar se deve abrir ou não inquérito para investigar o presidente.

Bahia Notícias



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.

%d blogueiros gostam disto: