bahia

quarta-feira, 05 de outubro de 2016 11:21

Iniciada a obra de restauração da estrada Riachão do Jacuípe – Conceição do Coité

A obra tem extensão de 28 km que liga o Território do Jacuípe ao do Sisal

Inicio da obra partiu de Riachão do Jacuípe

Inicio da obra partiu de Riachão do Jacuípe | Foto: Raimundo Mascarenhas

Começou na manha de segunda-feira (03) a obra de restauração e pavimentação dos 28 km da BA 120, trecho que liga Riachão do Jacuípe a Conceição do Coité. O serviço será em TSD com capa selante solo e brita, tratamento com duas camadas. O material existente na estrada será utilizado com sub-base.

Rogério disse que a obra pode ser concluída antes do prazo previsto | Foto: Raimundo Mascarenhas

Rogério disse que a obra pode ser concluída antes do prazo previsto | Foto: Raimundo Mascarenhas

O engenheiro Rogério Gomes de Almeida Filho, da empresa Augúrio Construções e Terraplanagem Ltda, vencedora da licitação e apta para desenvolver a obra., falou ao CN que o contrato prever a realização da obra em um ano, mas pretende executar entre seis a sete meses.

Sobre a mão de obra, Rogério Gomes explicou que a empresa já tem o quadro de pessoal especifico que vem de outras obras, mas esse quadro será ampliado com a contratação de 40 a 50 pessoas que serão utilizadas nos trabalhos de campo (estrada) e casa.

Os acessos dos povoados de Chapada (Riachão do Jacuípe) e Almas (Conceição do Coité), além do Bairro Terra Nova (Coité), não estão incluídos no contrato, apenas os 28 km de rodovia. Rogério explicou também que o inicio das obras por Riachão do Jacuípe foi atendendo uma determinação do contrato, onde se localiza o km 01.

Percorrendo o trecho

Construtora Augúrio responsável por mais uma importante estrada que liga o Território do Sisal ao Jacuípe | Foto: Raimundo Mascarenhas

Construtora Augúrio responsável por mais uma importante estrada que liga o Território do Sisal ao Jacuípe | Foto: Raimundo Mascarenhas

O Calila Noticias vai acompanhar o trabalho de restauração e mostrar o andamento. O trecho de 28 km começa em frente as industrias instaladas em Riachão do Jacuípe e mais a frente dois futuros condomínios. A 02 km da cidade de Riachão do Jacuípe, a estrada beneficia uma área que estão surgindo clubes com quadras para futebol soçaite e festas ocasionais, além da opção de lazer diariamente. O trecho seguinte, até o acesso ao Povoado de Chapada, é formado por grandes fazendas onde predomina a pecuária. O agricultor Antonio Pedro Souza, ficou satisfeito com a obra, pois, segundo ele, vinha tendo muito do prejuízo com a manutenção do seu carro.

Povoado Maracujá em Coité tem o reconhecimento Quilombola | Foto: Raimundo Mascarenhas

Povoado Maracujá em Coité tem o reconhecimento Quilombola | Foto: Raimundo Mascarenhas

A comunidade Quilombola do Maracujá, município de Conceição do Coité, também será beneficiada, segundo um dos líderes do movimento, Hélio de Oliveira Silva, mais conhecido por Hélio do Povo, o trecho vicinal que faz as ligações dos terrenos quilombos são beneficiados pela Prefeitura, “mas o povo fica imaginando quando tem que pegar a BA, principal acesso para as cidades de Coité e Riachão, onde são comercializados os produtos da região e toda movimentação, seja médico, banco e outros tipos de negócios. Nossa cultura é fazer negócios nestes dois municípios”, afirmou Hélio do Povo.

Chegada a cidade de Coité na subida da ladeira da Juliana | Foto: Raimundo Mascarenhas

Chegada a cidade de Coité na subida da ladeira da Juliana | Foto: Raimundo Mascarenhas

Após o acesso do povoado de Almas, ainda se observa a existência de grandes fazendas e com aproximação da cidade de Conceição do Coité esse cenário vai se modificando e começa a área onde predomina agricultura familiar, depois as chácaras e por fim, a conhecida ladeira da Juliana.

Visão da estrada do topo da ladeira da Juliana | Foto: Raimundo Mascarenhas

Visão da estrada do topo da ladeira da Juliana | Foto: Raimundo Mascarenhas

No perímetro urbano de Conceição o Coité, a existência de empresas beneficiadoras de sisal, aumenta o trafego de veículos pesados e por dar acesso a vários povoados do município, o movimento é intenso. Este trecho de 1.200 metros foi recentemente asfaltado e a ideia, segundo o secretário de Infraestrutura de Conceição do Coité, Kleuber Cedraz, é que seja duplicado, inclusive existe uma área pública para isso e o deputado Alex da Piatã (PSD) e o prefeito reeleito Francisco de Assis (PT) já tratou desde assunto com o governador Rui Costa.

Visita de Alex e Kleuber antes da aplicação do asfalto| Foto: Raimundo Mascarenhas

Visita de Alex e Kleuber antes da aplicação do asfalto| Foto: Raimundo Mascarenhas

O deputado Alex da Piatã disse que era questão de honra lutar pela recuperação dessa estrada que liga dois municípios importantes e acesso de ligação de outras cidades do Território do sisal para quem deseja ir a Feira de Santana ou Salvador. “Sabemos o quanto foi chato para os motoristas, que por mais de um ano tiveram que enfrentar a situação desagradável de passar, alguns todos os dias por ela. Mas o nosso governador entendeu o nosso apelo e autorizou a recuperação e em breve teremos uma nova estrada”, afirmou Alex.

Augúrio Construções e Terraplanagem conhece bem a região 

augurio - equipe

A Augúrio Construções e Terraplanagem já realizou vários serviços na região do sisal e Bacia do Jacuípe

 

Redação CN

 



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.

%d blogueiros gostam disto: