bahia

terça-feira, 08 de novembro de 2016 21:55

Coité ganha sede própria da Vara do Trabalho e poderá ganhar nova vara de Justiça

O órgão beneficia uma população de aproximadamente 480 mil pessoas e funcionava há 38 anos em prédios alugados ou cedidos.

O Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região poderá criar nova vara de justiça em Conceição do Coité. “Só depende do orçamento a ser liberado pelo Congresso”, informou a desembargadora Maria Adna Aguiar, presidente do TRT5, durante a inauguração, nesta terça-feria, 8, do Fórum Maria Nunes da Silva Lisboa.

TRTCoité

Situado na Praça Theógnes Antonio Calixto ao lado da Câmara dos Vereadores e das secretarias de Finanças e da Educação, Cultura e Esporte.

A unidade da Vara do Trabalho é a que mais recepciona processos trabalhistas em toda a Bahia. Somente no último triênio foram 2.934 novas ações, em média, a cada ano naquela jurisdição.

TRT5Coité

Dr Valtércio e o prefeito Assis após o ato de inauguração do prédio. Ambos se uniram em torno da causa

A inauguração da nova sede contou a presença do desembargador Valtércio Oliveira que foi homenageado pelo prefeito de Conceição do Coité, Francisco de Assis. “O cidadão coiteense Dr. Valtércio foi o grande mentor dessa construção já que iniciou na gestão dele enquanto presidente do TRT. Agradeço o empenho”, declarou o prefeito Assis, que quebrou o protocolo e passou a palavra ao desembargador.

Ele retribuiu o acolhimento do gestor municipal. “‘Sonho que se sonha só é só um sonho’, portanto essa luta foi compartilhada e a conquista também. Eu que agradeço ao prefeito por ter cedido esse espaço nobre da cidade”, enalteceu Valtércio.

TRT5Coité

Dra. Adna corta a fita de inauguração do novo fórum

O órgão beneficia uma população de aproximadamente 480 mil pessoas (IBGE/2016) e funcionava há 38 anos em prédios alugados ou cedidos.

A nova sede foi construída por meio de um convênio firmado entre o TRT5 e a Caixa Econômica Federal, que repassou R$ 1,8 milhão, tendo como contrapartida a exclusividade como instituição bancária no Fórum da Justiça do Trabalho na capital.

A área construída é de 1.068m² e o terreno total doado à Justiça do Trabalho é de 2.117m². A Lei Municipal que autoriza a doação é de nº 703/2014.

TRTCoité

Descerramento da placa inaugural com presença da Dra. Ingrid Heidi Oliva Boness, juíza titular da Vara de Conceição do Coité.

O prédio tem sala de audiências, salão de espera, gabinete para juiz, sala de assistente de juiz, sala de calculistas, secretaria, arquivo, autoatendimento, sala para OAB, sala técnica, copa, sanitários públicos e para servidores.

A estrutura tem acessibilidade, interligação direta entre os vários ambientes e aproveitamento da luz natural. Há ainda o recolhimento de água de chuva para uso em diversas atividades.

TV Calila

A vara – A Vara do Trabalho de Conceição do Coité foi criada em setembro de 1978 e já esteve instalada em diversos imóveis da cidade, em virtude da falta do prédio próprio.

A jurisdição da Vara de Coité inclui, além do município-sede, os de Araci, Biritinga, Candeal, Capela do Alto Alegre, Gavião, Ichu, Nova Fátima, Pé de Serra, Pintadas, Queimadas, Retirolândia, Riachão do Jacuípe, Santaluz, São Domingos, Serrinha, Teofilândia, Valente e Barrocas.

Homenagem – Maria Nunes da Silva Lisboa foi a primeira juíza concursada do Brasil e a pioneira no exercício da magistratura no TRT5. Nasceu em 30 de setembro de 1935, na cidade de Inhambupe, e assumiu o cargo em novembro de 1967. Conhecida por sua atuação marcante, foi promovida, por merecimento, a juíza presidente de Junta de Conciliação e Julgamento em março de 1973.

A sua promoção a desembargadora se deu por antiguidade em janeiro de 2000. Após a sua aposentadoria em setembro de 2005, Dra. Marietinha, como era carinhosamente chamada, manteve-se bastante atuante, participando de diversas atividades jurídicas e sociais.

Dedicou-se voluntariamente a Semanas de Conciliação do TRT5, e foi vencedora do concurso “Histórias de aposentado”, em 2012, promovido pela Amatra 5.

À época, aos 76 anos, dizia estar na puberdade da terceira idade, e que velho era o mundo e quem o tinha criado. Autora de sentenças pioneiras, faleceu, em Salvador, aos 80 anos, em 6 de setembro de 2015.

Inauguração de fórum da Justiça do Trabalho acontece hoje em Coité

Por Paulo Marcos com informações da Ascom TRT5



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.