bahia

terça-feira, 27 de dezembro de 2016 22:36

Deputado pede a MP que suspenda festa com Harmonia do Samba paga pela prefeitura de Riachão

No texto do ofício, o pessedista afirma soar estranho o Poder Executivo contratar a banda como atração de peso, visto o período turbulento das finanças municipais

Deputado acredita que existe uma contradição muito grande, pois, segundo ele para investir em coisas essências não tem recurso, mas tem para pagar festa,

Em nota enviada ao Ministério Público, o deputado Alex da Piatã (PSD), sensível a situação de crise financeira que assola as cidades baianas, solicitou a promotoria a intervenção pelo cancelamento da inauguração de uma praça na cidade de Riachão do Jacuípe que contará com show da banda Harmonia do Samba. O valor a ser pago com dinheiro dos cofres municipais pode chegar a R$ 80 mil.

No texto do ofício, o pessedista afirma soar estranho o Poder Executivo contratar a banda como atração de peso, visto o período turbulento das finanças municipais. “Só do Poder Executivo, por exemplo, em torno de 80 pessoas (algo em torno de 10% da totalidade dos funcionários!) foram demitidas sob a necessidade de rigidez econômica que vive o poder local. É um número considerável para uma cidade desse porte”, apontou.

“Não se pode dizer, entretanto, que Riachão do Jacuípe é um município diferente da grande maioria dos municípios brasileiros, que vive os percalços da grave crise econômica instaurada nacionalmente, inclusive com a diminuição dos repasses dos fundos de arrecadação”, completou.

Alex também rememorou um momento de negociação com a prefeita Tânia Matos (PDT) para obra de abastecimento de água em Queimada do Cedro, cuja despesa deveriam ser custeada pela prefeitura local e não foi realizada com argumento de falta de recurso.

“Como pode o Poder Executivo Municipal negar a efetivação de um direito fundamental que mataria a sede de seu povo? Como é razoável negar dignidade às pessoas? Como se pode dizer moral e ético que, sem dinheiro, realize um grande show com uma banda de tamanho peso e de grande cachê tendo negado a feitura de uma obra de tamanha importância para a dignidade de seus munícipes?”, questionou o deputado.

Ouça a reportagem com Vilmara de Assis

 

Fonte: Assessoria Parlamentar



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.

  • + LIDAS