politica

sábado, 04 de fevereiro de 2017 17:01

Com a presença do prefeito e do vice, trabalho do legislativo é aberto em Retirolândia

Os vereadores prometeram trabalhar de forma justa e os que são da oposição afirmaram que projeto do governo em prol da população não terá empecilho.

Plenário recebeu um bom público, o que deixou os parlamentares satisfeitos e convidaram para que a população continue participando | Foto: Raimundo Mascarenhas

Com quatro vereadores de primeiro mandato, dois retornos após quatro anos fora do exercício do mandato e mais quatro veteranos, a Câmara Municipal de Retirolândia, município localizado no território do sisal, iniciou na noite de sexta-feira (04), os trabalhos do ano legislativo de 2017. A sessão contou como a presença do prefeito Alivanaldo Martins dos Santos(PSC) conhecido por Vonte do Merim, vice-prefeito, Noé Silvestre Carneiro (PCdoB), secretários municipais e representantes do mandato parlamentar do deputado estadual Alex da Piatã Valdemí de Assis e Antônio Moreira.

Da esquerda para a direita: Valdemí de Assis, advogado Thiago Mascarenhas, secretários: Anailton Martins e Nayara Cunha, prefeito Vonte, vice Noé, assessor Antônio Moreira e secretário de Educação Eleaci Junior | Foto: Raimundo Mascarenhas

No parlamento retirolandense as bancadas já se mostraram bem definas. Os vereadores Railton de Araújo Costa “Rau” (PTC), Diego dos Santos Cardoso (PSDB), Dhonat de Andrade Oliveira “Dhon” (PRB) e a vereadora Anaclecia Andrade da Silva Rios de Oliveira (PR), integraram a base da oposição.

Da esquerda para direita parte de cima: Rau, Diego, Dhon e Anaclecia (vereadores do bloco de oposição). Abaixo bloco de apoio ao Governo Municipal: Beto, Aquiles, Divaldo e Pró Deinha. Vale salientar que o presidente da Casa Sandro da Vargem, também faz parte do bloco da situação, assim o Governo conta com 5 contra 4. | Fotos: Raimundo Mascarenhas

enquanto Adalberto de Araújo Lima “Beto do Ônibus” (PP), Aquiles Nereu da Silva Lima (PSC), José Divaldo Carneiro (PP), Elisandro Silva Moreira “Sandro da Vargem” (PSD) e a novata Erivaneide Araújo de Oliveira Rios “Pró Deinha” (PCdoB), pelo bloco da situação.

O presidente da Câmara, o Social Democrata Sandro da Vargem, abriu os trabalhos e externou seu desejo de vê o auditório lotado.

Presidente disse que é importante a participação da população e vai buscar formas para atrair a comunidade para as sessões | Foto: Raimundo Mascarenhas

Ouça na reportagem de Vilmara de Assis.

O primeiro projeto colocado para apreciação de forma ordinária foi de autoria do poder executivo que cria o cargo político de secretário Municipal de Infraestrutura e em seguida, também de autoria do poder executivo, o que autoriza o Poder Executivo firmar convênio, convenções, contratos, parcelamento e refinanciamento com a união, Estados e Municípios e dá outras providências.

Divaldo pediu que o prefeito alugue uma casa em Salvador para acolher os retirolandenses | Foto: Raimundo Mascarenhas

De responsabilidade dos vereadores, José Divaldo Carneiro foi o autor da primeira indicação apresentada neste mandato. O progressista propôs ao poder executivo á instalação de uma casa para abrigar os munícipes que necessitam de atendimento na área da saúde em Salvador. Os vereadores da oposição externaram durante a sessão que estão dispostos a trabalharem em defesa do município sem criar obstáculo para administração.

O vereador do PSC, Aquiles Nereu, lembrou que no mandato passado atuou na bancada da oposição e o fez com muita responsabilidade na qualidade de fiscalizador. Aproveitando a presença do prefeito Vonte, solicitou urgência na limpeza urbana da cidade, mesmo reconhecendo a situação como a gestão atual encontrou os equipamentos e veículos utilizados para o serviço e frisou também que não houve limpeza nos últimos três meses por parte da gestão anterior.

Valdemí lembrou que por pouco a câmara não fica com um terço formado por mulhres

O deputado Alex da Piatâ (PSD) foi representado pelo chefe de gabinete Valdemi de Assis. Natural de Conceição do Coité, Valdemi de Assis falou em seu pronunciamento que foi vereador em seu município por dois mandatos e vivenciou um mandato conduzido pela sua esposa Sinima Maria de Oliveira Silva, e que sabia a missão do vereador, em especial, nos médios e pequenos municípios. “A casa do vereador é a primeira porta em que a população bate na busca pela solução dos seus problemas, seja para resolver questão pessoal ou comunitário”, falou Valdemí.

O chefe de gabinete arrancou aplauso ao destacar neste mandato a presença de duas mulheres eleitas e a primeira suplência da coligação que elegeu o prefeito Vonte, do Social Cristão, Pró Deinha, do PCdoB. “Desde que foi emancipado em 1962, foram eleitas apenas quatro mulheres, Enedina Maria, Cilene Mota, Elizabeth Dias e Margareth Rios. Observe o quanto às mulheres estão organizadas e presentes na política deste município”, concluiu.

Moreira assessor do deputado Alex da Piatã fez questão de usar a tribuna para parabenizar os parlamentares | Foto: Raimundo Mascarenhas

O assessor Antonio Moreira também compareceu a sessão e destacou a força do PSD, principalmente depois da eleição do deputado Ângelo Coronel para presidente da Assembleia Legislativa e com Eures Ribeiro, na UPB. “Aqui em Retirolândia o PSD está bem representado pelo vereador Sandro da Vargem, quem o conheço mesmo antes de está envolvido na politica, a frente do poder legislativo e ter o deputado Alex da Piatã como líder político nesta região”, concluiu.

Emprego – O vice-prefeito Noé Silvestre (PCdoB), desabafou durante seu pronunciamento relatando a situação com a atual administração encontrou o município e colocou a necessidade de encontrar urgente uma solução para geração de emprego e renda. “De cem pessoas que visita o nosso gabinete, noventa e oito é solicitando emprego, que seja para o próprio ou alguém próximo, filho, filha, etc. Isso requer urgência e vamos lutar nesta linha”, garantiu o comunista.

Vonte disse que o município vive momento difícil pelo que encontrou, a crise e a seca, mas que não vai faltar luta para buscar melhorias | Foto: Raimundo Mascarenhas

O prefeito Vonte do Merim (PSC) reconheceu esse problema e falou ao CN que vem mantendo contato com empresários e que a Prefeitura fará tudo que for necessário para atrair investidores. O Social Cristão lembrou que além do desemprego, a seca é outro problema sério que vem enfrentando e já está mantendo contatos com os órgãos das esferas estadual e federal, principalmente ligados a defesa civil.

Sobre o relacionamento com os vereadores, Vonte disse que será o melhor possível e respeitará na função de fiscalizador, e se colocou a disposição com toda transparência, em especial, aquelas demandas que visam melhorar a vida do povo. Sobre a limpeza pública questionada pelo vereador Aquiles Nereu, Vonte falou que na próxima semana começa normalizar, pois os veículos já estão saindo das oficinas, alguns deles foram necessários serem encaminhados para oficinas na cidade de Valente.

O secretário de educação Eleaci Dias Magalhães Júnior, conhecido Leo de Eliete, falou ao CN que o projeto de Lei que institui o Plano de Cargos e salário dos professores do município será encaminhado a Câmara e após aprovado, será pago retroativo.

Veja também

1º-02-17 – Depois de dez anos Marcelo Nilo deixa a presidência e Ângelo Coronel assume o comando do poder legislativo da Bahia

02-02-17 – Riachão do Jacuípe – Com a proposta de construir nova sede, Câmara Municipal inicia os trabalhos legislativos 2017-2020

02-02-17 –Rui Costa abre os trabalhos da Assembléia com um discurso de duas horas de duração e 14 assuntos

Redação CN



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.