esporte

domingo, 12 de fevereiro de 2017 18:21

Em tarde inspirada de goleiro do Altos, Bahia só fica no empate no Piauí pela Copa do Nordeste

O resultado ainda mantém o Bahia na liderança do grupo B, mas pode perder, caso o Fortaleza vença o River acima de três gols de vantagem. Jogo começa às 20h de hoje

O Bahia foi até a cidade de Teresina capital do Pauí na tarde deste domingo (11) jogar contra a equipe do Altos, para tentar manter a liderança do Grupo B da Copa do Nordeste, mas o jogo terminou em zero a zero, que mantém o Esquadrão na liderança com cinco pontos ganhos, porém podem ser ultrapassados pelo Fortaleza que joga em casa ás 20h contra o River.

O Tricolor cearense que tem apenas 2 pontos, pode ultrapassar o Bahia, porém precisa vencer o River com goleada.

O jogo

Atacante Ernane ainda sem mostrar um bom futebol esse ano, até que tentou, mas Alex Alves esteve melhor| Foto: Estadão Conteúdo

Domínio quase que completo da partida, mas sem eficiência e uma tarde inspirada do goleiro Alex Alves, resultou no segundo empate pela Copa do Nordeste em três jogos. O fator positivo para o Bahia é mantutenção da invencibilidade e sem sofrer gols na temporada. O tricolor perdeu grandes chances, principalmente no primeiro tempo, mas sofreu nos últimos minutos por ter Eduardo expulso no final do jogo.

Mesmo diante da dificuldade imposta pela péssima qualidade do gramado, o Bahia dominou as ações da partida no primeiro tempo. Aos 13 minutos, Régis aproveitou cobrança de lateral de Eduardo, invadiu a área e cruzou pra trás. Hernane se atrapalhou todo na hora de finalizar e a bola sobrou para Armero mandar uma boma e acertar a trave.

Dois minutos depois, o Brocador recebeu na meia lua, cortou o zagueiro e chutou forte para a boa defesa de Alex Alves. Em boa jogada construída pelo lado esquerdo, Armero foi na linha de fundo e cruzou no segundo pau. Hernane completou com o pé direito e Alex Alves mandou pra escanteio.

A marcação forte e adiantada do Bahia impedia que o Altos ficasse por muito tempo com a bola. Aos 26 minutos, Zé Rafael sofreu falta próximo a linha da grande área. Na cobrança, Régis tentou o canto direito do goleiro, que fez nova defesa e manteve o placar zerado até o intervalo.

Segundo tempo

Em menos de dez minutos, dois cartões amarelos foram distribuídos e somados aos outros quatro do primeiro tempo. No total, quatro para o Bahia e dois para o Altos. O time da casa chegou com perigo aos 14 com Manoel que finalizou nas mãos de Jean.

Diferentemente da primeira etapa, o Bahia já não conseguia criar com tanta facilidade. Aos 16 minutos, Guto colocou Renato Cajá no lugar de Régis. Coincidentemente ou não, o time cresceu na partida com a entrada do camisa 10.

Aos 21 minutos, ele serviu Diego Rosa que bateu bonito, de primeira e tirou tinta da trave. No lance seguinte, Diego foi o garçom e tocou para Zé Rafael chutar de primeira e obrigar Alex Alves a fazer linda defesa e mandar para escanteio. Sentindo o bom momento do time, Guto colocou Gustavo no lugar de Zé Rafael, deixando dois centroavantes em campo.

Eduardo expulso

A estratégia, no entanto, foi por água a baixo quando Eduardo teve que fazer falta dura em Manoel que avançava livre em direção ao gol. Como era o último homem, o jogador tricolor acabou expulso. Guto imediatamente colocou Juninho na vaga de Diego Rosa para recompor o sistema defensiva. Mesmo em desvantagem numérica, por pouco o Bahia não marcou em cabeçada de Edson que o goleiro espalmou para escanteio.

A partir daí o tricolor se portou bem no sistema defensivo e conseguiu manter o 0x0 mesmo com um jogador a menos. O Bahia só volta a jogar pela Copa do Nordeste no dia 12 de março, já na Fonte Nova, contra o mesmo Altos.

Redação CN | Correio24horas

 



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.