conceicao-do-coite

sexta-feira, 10 de março de 2017 20:46

Coité – Colégio Olgarina suspende as aulas nesta sexta-feira por conta da insegurança

A suspensão das aulas se deu porque na noite de quinta pessoas suspeitas foram vistas dentro do muro

Uma decisão tomada em comum acordo entre diretoria, professores e alunos do Colégio Estadual Olgarina Pitangueira Pinheiro, em Conceição do Coité, resultou na suspensão das aulas do turno noturno desta sexta-feira (10), por falta de segurança.

A unidade escolar teve duas salas de aulas invadidas na noite da última segunda-feira, 6, por encapuzados e mascarados usando revolveres que saquearam pelo menos 40 celulares de professores e alunos. A partir daquele momento professores e alunos ficaram assustados, dois deles no dia seguinte foram solicitar a transferência.

Mas o motivo da suspensão das aulas desta sexta, foi um novo episódio de medo e corre – corre na noite de quinta-feira, 09, por volta das 20h45 foram vistos quatro suspeitos entrando para uma dentro do muro e em seguida o barulho na tentativa de abrir a porta de uma sala, a Policia Militar que depois de segunda-feira, passou intensificar a ronda na área da escola, foi acionada e ao chegar avistou dois indivíduos correndo e segundo informações, eram pessoas que costumam fazer uso de droga no local.

Colégio Olgarina em um local privilegiado, mas é cercado de terreno baldio

O clima de tensão que já era grande pós assalto aumentou ainda mais, até que a diretora Luziana Costa da Silva Ferreira, conhecida por Anne, entendeu que não existe clima para manter professores e alunos em sala de aula, inclusive avisou aos seus superiores sobre a decisão.

Anne disse também que a Secretaria de Educação tem se mostrado preocupada com a situação e prometeu mandar uma equipe técnica para fazer um estudo e viabilizar melhorias no sentido de oferecer maior segurança.

A Secretaria afirmou também desde terça-feira, a Policia havia prendido um suspeito, mas aquela altura nem a imprensa nem a própria diretora tinha conhecimento. Nesta sexta a nova informação era que, o suspeito preso já havia sido liberado por falta de provas.

Anne disse que as aulas serão retomadas na próxima segunda-feira, 13, mas existe uma promessa de manifestação por parte dos alunos, caso a Secretaria não cumpra a promessa de fazer melhorias na parte da segurança da escola.



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.