bahia

sexta-feira, 31 de março de 2017 13:55

FECBAHIA promove o II Simpósio em Salvador. Evento aconteceu na UPB

Atividade marca também a eleição do novo presidente da FECBahia

Representantes de Consórcios de toda Bahia marcaram presença no evento | Foto: Raimundo Mascarenhas

O auditório da União dos Municípios da Bahia – UPB, no Centro Administrativo da Bahia (CAB) esteve totalmente reservado nesta sexta-feira (31) para o II Simpósio FECbahia, onde reuniu representantes de consórcios públicos de todas as regiões do Estado da Bahia.

A Federação dos Consórcios Públicos do Estado da Bahia (FecBahia) surgiu após a criação dos Consórcios e tem como primeiro presidente o ex-prefeito de Serrinha Onsi Cardoso, que inclusive está encerrando seu mandato, pois, foi realizada a eleição e por aclamação foi eleito Dival de Memel prefeito de Lamarão e presidente do Consisal para mais um cargo público.

Formação da mesa contou com a presença do vice-governador João Leão e demais autoridades | Foto: Raimundo Mascarenhas

A formação da mesa de trabalho contou com a presença de Osni Cardoso, do secretário de Planejamento e vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Rural Jeronimo Rodrigues, coordenador do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social, Jonas Paulo, Zenildo Brandão,coordenador de Consórcios do Estado da Bahia e José Geraldo dos Reis, secretário estadual do Meio Ambiente.

Todos componentes fizeram breves discursos enaltecendo a importância dos consórcios que a partir da criação, permitiu que de forma coletiva fortalecesse os municípios.

João Leão parabenizou a iniciativa de Osni Cardoso quando criou a Federação dos Consórcios Públicos, ” pode ter certeza, daqui um ano, nós vamos ter uma mudança nessa questão de consócio no estado da Bahia”, afirmou Leão.

O vice-governador para citar a importância dos municípios se unirem a realizarem a gestão por meio de consórcio, comparou ao palito de fósforo. “Quando você abre uma caixa de fósforo pega um palito e quebra, pega dois quebra, três quebra e na medida que isso vai aumentando, vai dificultando mais para serem quebrados e com dez, já não consegue quebrar. Quando pega os 40 da caixa, se torna uma missão praticamente impossível. Então, isso é um consórcio é o fortalecimento, um palito é como um prefeito ele não tem força e faz lembrar aquele velho ditado ‘uma andorinha só não faz verão, se você tem várias andorinhas isso é possível”, finalizou com parábolas o irreverente João Leão.

João Leão afirmou que o caminho para o desenvolvimento dos municípios tem que ser pelos consórcios | Foto: Raimundo Mascarenhas

O vice-governador também tinha a missão de ser um dos palestrantes do Simpósio e apresentou um vídeo dos avanços que a Bahia teve nos últimos anos com os governos Wagner e Rui.Ele não escondeu o sonho que tem de ver a construção da Ponte que liga a Ilha de Itaparica a Salvador.

Osni Cardoso até 2016 governava Serrinha e presidia o Consisal e a FECBahia | Foto: Raimundo Mascarenhas

O ex-prefeito de Serrinha, ex-prefeito do CONSISAL, e que passa a ser ex-também da FECBahia a partir dessa sexta-feira,31, fez um relato dos avanços que os municípios tiveram a partir dos consórcios e a federação, mas falou das dificuldades também na hora de formar convênios com os ministérios, pois, segundo ele, se um município associado estiver negativado (CAUC) acaba atrapalhando o Consórcio como um todo.”Tá na hora de alterar o Cauc, pois, a gente consegue inscrever, consegue ganhar os editais, mas não consegue executar. Nós precisamos desatrelar essa marra que está colocada para a gestão pública não andar, mas sem os deputados a gente não consegue resolver isso, e para a participação do povo, essa pressão também vale, porque ultimamente participei de alguns eventos públicos e aqueles que votaram a favor da terceirização e se mostram com tendência em votar a favor da reforma da previdência não conseguem nem usar mais o microfone. O povo dar o recado e a favor dos consórcios vamos dar esse recado também”, conclamou Osni.

Presente no evento o prefeito de Lamarão Dival de Memel (4º da esquerda para a direita), ele que é o atual presidente do Consisal | Foto: Raimundo Mascarenhas

Sobre as ações positivas Osni citou que graças a limpeza e construção de barragens e barreiros, cisternas, muitas famílias continuam sem sofrer com a maior seca dos últimos 100 anos no Nordeste e o Consisal teve um trabalho importante nisso, quando trabalhou incessantemente nos reservatórios.

Além de Osni e João Leão fizeram palestra com Tânia Fischer que tratou da parceria UFBA/Governo do Estado; Zenildo Brandão – Perspectiva Estado/Consórcio e teve como mediador o secretário executivo da FECBahia, José Silva. Mesa Redonda com e Jerônimo Rodrigues, secretário do SDR.

Redação CN

 

 



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.