fatos-policiais

quarta-feira, 24 de maio de 2017 19:35

Capturada quadrilha que participou de roubo a mineradoras de Nordestina e Jacobina

Na Bahia, o grupo composto por pernambucanos, tem participação direta nos roubos às mineradores de Jacobina e Nordestina, ocorridas outubro de 2016 e janeiro deste ano, respectivamente.

Foto: SSP/BA

Uma operação integrada realizada pela Força-Tarefa da Secretaria da Segurança Pública com a Polícia Militar de Goiás, Polícia Federal, Batalhão de Operações Policiais Militares (BOPE) e a Companhia de Policiamento Tático do 16º Batalhão da Polícia Militar prendeu, na tarde desta quarta-feira (24), integrantes de uma das maiores quadrilhas especializadas em roubo a banco no Brasil.

O trio foi surpreendido em um estabelecimento comercial em Alexânia, Goiás, dois dias após assaltar um carro-forte no município de Unaí, em Minas Gerais. Na Bahia, o grupo composto por pernambucanos, tem participação direta nos roubos às mineradores de Jacobina e Nordestina, ocorridas outubro de 2016 e janeiro deste ano, respectivamente. Também atentaram contra instituições financeiras em Bom Jesus da Lapa e Irecê.

Foto: Divulgação SSSP/BA

Com eles, que já eram monitorados pela polícia, foram apreendidos sete fuzis, dentre eles quatro calibre 7,62 e três calibre 5,56, duas pistolas, sendo uma calibre .40 e outra 9 milímetros, além de grande quantidade de munição e mais de R$ 200 mil. A polícia acredita que o dinheiro é fruto da ação ocorrida em Unaí, no início da semana.

Entre os presos na tarde de hoje estão Ricardo da Silva Torres, 35 anos, Leandro Henrique da Silva, mais conhecido como Ceará, 36, e Boaventura Medrado de Souza, 47. Eles foram apresentados na sede da Polícia Federal em Goiás. A operação continua na busca por mais integrantes do grupo, inclusive, provenientes aqui da Bahia.

SSP/BA



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.