esporte

quarta-feira, 21 de março de 2018 23:59

Copa do Nordeste: Vitória supera apagão e goleia o Ferroviário no Ceará

Leão assume a liderança do Grupo C e está perto de garantir vaga nas quartas de final do Nordestão

Um apagão inesperado que atingiu 14 estados do Brasil, incluindo todos da região Nordeste, atrasou por mais de duas horas o jogo entre Ferroviário e Vitória, nesta quarta-feira (21), no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza. A espera valeu à pena. O Leão goleou por 4×1, assumiu a liderança do Grupo C e encaminhou sua classificação às quartas de final da Copa do Nordeste.

O desgaste antes da bola rolar é inegável. “É um fato atípico. Eu, com tantos anos de futebol, nunca tinha vivido isso. Tivemos que andar rápido, por quase 1km, para que a equipe não tomasse o W.O.. Situação difícil”, relatou o técnico Vagner Mancini ao Esporte Interativo.

A espera foi longa. O gerador foi testado, mas não funcionou. Um dos refletores chegou a acender, mas logo apagou. Apenas às 21h06, a energia voltou e o jogo, marcado para as 19h, começou.

(Moysés Suzart/EC Vitória)

Para quem esperou mais de duas horas para ver o time do coração em campo, aguardar 22 minutinhos para gritar gol foi fichinha.

Titular, o alemão Alexander Baumjohann fez um cruzamento excepcional para Denilson, que cabeceou e fez 1×0. Na comemoração, o atacante, que não marcava há quase um mês,  passou a mão pelo corpo, pra ‘espantar a zica’. O último gol dele havia sido no dia 25 de fevereiro, contra o Jequié, pelo Campeonato Baiano.

Mais 13 minutos e lá vem a Alemanha de novo! Calma, não tem nada a ver com o traumático 7×1. Foi novamente o gringo que, após ser garçom no primeiro gol, aproveitou jogada de Pedro Botelho pelo meio e, de primeira, deixou o dele: 2×0.

O gol da liderança veio ainda no primeiro tempo, no último minuto. Aos 45, Yago cobrou falta com categoria, fez o terceiro e colocou o Leão no topo da tabela.

No segundo tempo, o torcedor matou a saudade de Willian Farias. O volante fez seu primeiro jogo após oito  meses afastado por causa de uma lesão no joelho. O pequeno público no estádio chegou a gritar “ô, o capitão voltou”. O Leão até sofreu um gol aos 13 minutos, com Lucas, mas administrou bem o placar. Ainda deu tempo de Yago fazer mais um, de pênalti, aos 44, e colocar o Leão na liderança do Grupo C.

O Leão vai tranquilo para o próximo jogo pelo Nordestão, terça-feira (27), contra o Globo, às 21h45, no Barradão. Pode perder por até três gols de diferença, que avança.

Antes, no sábado (24), às 17h, o Vitória enfrenta o Bahia de Feira, também em casa, pela semifinal do Baiano. Após o 1×1 da ida, um novo empate garante o Leão na final.

Fonte: Correio



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.

  • + LIDAS