economia

sexta-feira, 20 de julho de 2018 11:30

Governo abre novo período de saque do PIS/Pasep de 2016

Prazo para saque havia terminado no dia 29 de junho deste ano, mas quase 2 milhões de trabalhadores não tinham sacado o benefício.

Foto: Divulgação

O governo abriu um novo período de saque do PIS/Pasep do ano-base de 2016. Os trabalhadores vão poder sacar o abono entre os dias 26 de julho até 30 de dezembro. O prazo para saque havia terminado no dia 29 de junho deste ano e a decisão foi autorizada pelo Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) na quarta-feira (11).

Segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, quase 2 milhões de trabalhadores não sacaram o benefício dentro do primeiro período estipulado pelo governo. Os saques parados correspondem a R$ 1,44 bilhão.

Saque para trabalhadores

O valor do saque é determinado de acordo com o período de trabalho formal do funcionário no ano de 2016. O valor máximo do abono é de R$ 954, para quem trabalhou o ano inteiro, enquanto o mínimo, dado a quem trabalhou pelo menos 30 dias do ano, é de R$ 80.

O saque é concedido aos trabalhadores que estejam inscritos no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2016 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e teve seus dados informados corretamente pelo empregador na Rais (Relação Anual de Informações Sociais).

Publicidade

Os trabalhadores da rede privada devem realizar o saque do abono na Caixa Econômica Federal. Caso haja alguma dúvida a respeito do benefício, podem ligar para o número 0800-726 02 07. Já os trabalhadores da rede pública, devem sacar o benefício no Banco do Brasil. O telefone para contato é o 0800-729 00 01.

R7



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.