politica

sábado, 06 de outubro de 2018 06:45

Candidato a deputado estadual Osni Cardoso (PT) diz que está sendo vítima de Fake News

Osni Cardoso, ex-prefeito de Serrinha lamenta notícia que segundo ele foi divulgada em blog falso às vésperas da eleição

Muita gente comentou que Osni não poderia ser candidato, mas seu registro foi deferido pelo TSE

O ex-prefeito de Serrinha Osni Cardoso, ele que está na disputa de uma das 63 vagas na Assembleia Legislativa da Bahia diz ter sido atacado por um blog criado tão somente para divulgar noticias falsas ‘Fake News’ e que ele foi alvo ao ser mencionado numa informação nesta sexta-feira, 05, que estaria inelegível e portanto não poderia estar na disputa eleitoral.

Cardoso disse que às vésperas da eleição criaram um blog intitulado ‘informativo’, onde se encontra apenas uma “notícia” que foi espalhado por vários grupos, o que causou muitas dúvidas entre a população, já que segundo ele, o seu nome tem despontado com grande força no Território do Sisal e em todo Estado, para ocupar uma vaga na Assembleia.

Osni falou ao Calila Noticias que segue fazendo campanha e reforçando sua candidatura a deputado estadual.”Com a intenção de confundir o eleitorado, a disseminação dessas mensagens, principalmente pelas redes sociais, surge como uma nova estratégia para comprometer a imagem dos candidatos e levar o eleitor ao erro na hora de decidir o voto. No dia 04 fizemos a maior carreta da história de Serrinha, isso sem dúvidas incomodou meus opositores que desde o início resumiram  sua campanha a me atacar, enquanto eu construí e apresentei propostas. Sou candidato, sim, e para quem tiver dúvidas é só consultar o site do TSE e não um blog sem credibilidade”, destaca Osni.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou no dia 17 de agosto deste ano, o registro de Osni Cardoso. Autorizado pela Justiça Eleitoral, Cardoso tem condições normais para concorrer a uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).Nos autos e por meio de sua defesa, Osni argumenta que o Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) aprovou o exercício financeiro de 2015, entretanto, diz o ex-prefeito, “objetivando tão somente prejudicá-lo politicamente, a câmara municipal rejeitou suas contas sem observar os princípios do contraditório e ampla defesa”.

Fake News

Mais de 12 milhões de pessoas compartilham informações inverídicas, segundo levantamento realizado pelo Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas para o Acesso à Informação da Universidade de São Paulo (USP). Aproveitando dessacrescente, tem aumentado o “comércio de notícias falsas” as famosas Fake News.

CN



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.