bahia

sábado, 27 de outubro de 2018 16:51

Com a presença dos ‘vermelhos’ carreata em apoio a Bolsonaro é realizada em Coité

Quando Bolsonaro fala em extinguir os vermelhos do Brasil em alusão ao PT, agora precisa fazer uma ressalva que os vermelhos de Coité são do Democratas e apoiam sua candidatura.

Carros estavam entrando na cidade e outros apontavam no Alto São João cerca de 2 km de distancia | Foto: Raimundo Mascarenhas

Por volta do meio dia de hoje (27) véspera das eleições do 2º turno, os apoiadores de Bolsonaro promoveram uma grande carreata que saiu do Povoado de Santa Rosa e percorreu as ruas do centro da cidade puxada por um potente paredão de som e entre as centenas de carros muitos com o adesivo do deputado estadual reeleito Tom Araújo (DEM).

Veículos acompanharam um potente paredão de som | Foto: Raimundo Mascarenhas

A campanha em prol do nome de Jair Bolsonaro (PSL) a presidente da república em Conceição do Coité foi da mesma forma que aconteceu em todo o País, ou seja, pessoas anonimas e sem destaque político deixaram de lado os políticos tradicionais dos municípios e se engajaram numa luta para protestar contra o Governo do PT e depois de mostrarem força, muitos deles pagando do próprio bolso para fazer outdoor e adesivos conseguiram colocar Bolsonaro com favorito a vencer as eleições.

Apoiou do Democratas em Coité a Bolsonaro aconteceu ainda no primeiro turno quando viu que Alckmin não decolou | Foto: Raimundo Mascarenhas

Em Coité não foi diferente, o principal grupo de oposição ‘vermelhos’ ligado ao carlismo na Bahia teve uma aventura frustrada no primeiro turno quando apoiou Geraldo Alckmin (PSDB) que não decolou com chances de chegar ao segundo turno e antes mesmo da votação do primeiro, abandonou o Tucano e abraçou a campanha de Bolsonaro, mesmo assim, com todo popularidade do ‘capitão’ os vermelhos foram derrotados por quase 9 mil votos de frente. Bolsonaro obteve 10.904 votos  enquanto Fernando Haddad (PT) recebeu 19.534.

No primeiro turno nas urnas de Coité, Geraldo Alckmin ficou em 4º lugar com apenas 978 votos e viu Ciro em sua frente com 4.295.

Comitê de Tom foi cedido a campanha de Bolsonaro

Comitê de Bolsonaro foi cedido por Tom Araújo | Foto: Raimundo Mascarenhas

O local onde funcionou o comitê do candidato a deputado estadual Tom Araújo para seu terceiro mandato, deu espaço a foto de Jair Bolsonaro, onde os correligionários têm encontrado adesivos, praguinhas e santinhos com o número do candidato.

Eleitores tradicionais dos vermelhos de Coité agora estão com Bolsonaro | Foto: Raimundo Mascarenhas

A iniciativa deve ter a dupla finalidade de ajudar na eleição de Bolsonaro, já que desde 2002 quando Lula foi eleito presidente enfrentando José Serra apoiado pelos vermelhos de Coité só conheceu derrota.Em 2006 apoiou Geraldo Alckmin (PSDB) e também perdeu. Em 2010 apostou mais uma vez em José Serra (PSDB) e perdeu para Dilma. Em 2014 o apoio foi para Aécio (PSDB) que acabou também derrotado.

PUBLICIDADE

A derrota no primeiro turno foi a mais humilhante, novamente com Geraldo Alckmin, não para o PT, mas para os quatro candidatos que ficaram em sua frente na votação geral e apostar no favoritismo de Bolsonaro pode ser uma maneira de quem saber voltar a comemorar depois de 20 anos quando apoiou Fernando Henrique contra Lula e saiu vitorioso em 1998.

 



COMENTÁRIOS

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores, desta forma não representa a opinião do Calila Noticias. Contamos com o bom senso e educação dos nossos internautas. O Calila Noticia, poderá remover sem aviso prévio qualquer comentário que seja considerado ofensivo e contenha palavras de baixo calão.