Lava Jato investiga mais um imóvel usado por Lula

108
VIRAM

A Operação Lava-Jato investiga se a cobertura vizinha à do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi comprada com dinheiro da Odebrecht. O imóvel fica no edifício Green Hillon, mesmo prédio onde mora o petista, em São Bernardo do Campo.

De acordo com O Globo, em dezembro de 2010, o proprietário da cobertura, Glaucos da Costamarques, recebeu R$ 800 mil da DAG Construtora, investigada por ser usada pela Odebrecht para negócios ilícitos. No início de 2011, Glaucos comprou o apartamento e alugou para Lula.

Enquanto o petista era presidente, a porta ao lado abrigava agentes de segurança dele pagos pelo governo federal. Até 2010, o valor investido foi de R$ 54,6 mil, mais do que o que foi desembolsado pelo ex-presidente nos anos seguintes. Lula declarou ter pago R$ 42 mil em 2011, R$ 46,2 mil em 2012 e 46,8 mil em 2013, R$ 49,8 mil em 2014 e R$ 51,3 mil em 2015 pelo aluguel.

O Globo

Relacionadas Matérias

RECOMENDADAS

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Envie essa matéria para um amigo